icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
14/04/2014
09:50

A Ponte Preta confirmou oficialmente a troca de treinadores que já vinha sendo especulada durante a última semana. Vadão aceitou um convite para treinar a Seleção Brasileira feminina e seu substituto na Macaca será Dado Cavalcanti, que será apresentado na manhã desta segunda-feira, no estádio Moisés Lucarelli.

- O Brasileiro começa já na sexta e nossa única preocupação agora é a de que o Dado possa dar sequência ao trabalho que vem sendo desenvolvido para fazer uma boa estreia contra o Icasa - declarou o presidente pontepretano, Márcio Della Volpe.

Treinador da nova geração, de apenas 32 anos, Dado é sonho antigo da diretoria pontepretana, desde sua ótima campanha pelo Mogi Mirim em 2013, quando chegou às semifinais do Paulistão e foi eleito o melhor técnico da competição. Sem acerto no ano passado com o clube campineiro, comandou o Paraná, na Série B, e o Coritiba no início desta temporada.

O novo técnico pontepretano terá menos de uma semana para encerrar a preparação da equipe para a disputa da Série B. A Ponte estreia na competição na próxima sexta-feira, às 21h50, diante do Icasa, no Majestoso.

Já o experiente Vadão, de 57 anos, se prepara para um dos maiores desafios de sua carreira. O treinador terá a missão de substituir Márcio Oliveira no comando da Seleção feminina e preparar a equipe para o Mundial de 2015 e para os Jogos Olímpicos de 2016. Este será seu primeiro trabalho à frente de uma equipe feminina e a aposta da CBF é no bom trabalho psicológico e tático desempenhado por Vadão ao longo de sua carreira.

Oswaldo Alvarez interrompeu sua quarta passagem pela Macaca. Contratado durante o Paulistão, após o mau desempenho de Sidney Moraes, o técnico conseguiu dar padrão de jogo e recuperou a Macaca, conseguindo a classificação para as quartas de final, em que foi derrotado para o Santos. No total, foram 13 jogos, com sete vitórias e seis derrotas.