icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
22/11/2014
14:34

Ponte Preta e América-MG se enfrentarão a partir das 16h20 (de Brasília) deste sábado, no Moisés Lucarelli, em duelo válido pela 37ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro e fundamental para os objetivos das duas equipes: seguir com chances de título e tentar ingressar no G4, respectivamente. E o jogo de logo mais será mais de cartáter decisivo entre Ponte e América.

A Série B de 1997 foi decidida em um quadrangular que contou com as presenças de América, Ponte Preta, Náutico e Vila Nova. O primeiro duelo aconteceu pela terceira rodada, foi disputado no antigo Independência e terminou sem gols. Na rodada seguinte, a Ponte venceu o América, por 1 a 0, no Moisés Lucarelli, igualou a pontuação do time mineiro (sete pontos), mas seguiu atrás no saldo de gols (-1 contra três). O América fez a sua parte nos jogos finais, alcançou 13 pontos e conquistou o título, enquanto a Ponte só chegou aos 11, ficando com o vice.

Já em 2010, o América entrou na 38ª e última rodada da Série B precisando de um ponto contra a Ponte, já sem chance de acesso ou risco de rebaixamento, para conquistar o acesso à Série A, findando um jejum de nove anos longe da elite. A Portuguesa, que enfrentaria o Sport em Recife, era quem ameaçava o acesso americano. O jogo, realizado no Moisés Lucarelli, foi dramático para o torcedor do América, que celebrou um suado 0 a 0 e a consequente volta à Série A do Brasileirão. Em caso de derrota, a quarta vaga seria da Lusa, que venceu o Leão na Ilha do Retiro.

Nesta edição da Série B, o primeiro encontro entre os rivais de logo mais aconteceu na 18ª rodada e na Arena Independência. O América não tomou conhecimento da Ponte, goleando por 3 a 0 e alcançando a liderança provisória da Série B. Foi, na ocasião, a sétima vitória em sete jogos do Coelho na Arena sem sofrer um gol sequer.

No histórico geral, a vantagem é da Ponte. O duelo já aconteceu 16 vezes entre Série A e Segundona. São oito vitória das Ponte, cinco empates e três triunfos do América.