icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
16/12/2013
10:51

A Polícia Militar do Rio de Janeiro deteve nesta segunda-feira 15 manifestantes que reocupavam o antigo Museu do Índio, no Complexo do Maracanã, desde agosto. Os ativistas ainda temem pela demolição do prédio que pertencia ao Ministério da Agricultura, ao lado do antigo Museu, que teve o telhado de um dos seus prédios retirado. No entendimento dos ativistas, este prédio também faz parte da área do antigo Museu e deve ser utilizado pelos índios.

Não foi registrado tumulto durante o protesto, e a operação foi conduzida por cerca de 150 agentes do Batalhão de Choque da PM. O grupo foi levado por volta das 9h40 para a 18ª DP, da Praça da Bandeira. Os protestos envolvendo o Museu do Índio, assim como a Escola Municipal Friedenreich, acontecem desde março deste ano, quando o governo anunciou a intenção de demolir os prédios para entregar toda a área ao Complexo Maracanã Entretenimento S.A.

Após o clamor popular, o museu foi mantido, mas com o projeto de se tornar uma atração olímpica para 2016, o que também não agradou. Hoje, o governo garante que a reforma dará espaço ao Centro de Referência das Culturas Indígenas. Pela logística da PM, a Radial Oeste chegou a ficar fechada por cerca de 3h, e só foi liberada pouco antes das 10h.

Leia a íntegra da nota do governo do estado

O antigo Museu do Índio não será derrubado. Ele será transformado em um Centro de Referencia das Culturas Indígenas.

O prédio em que houve ontem , domingo, 15-12, uma invasão foi um dos 4 prédios que foram comprados do antigo Ministério da Agricultura pelo Governo do Estado RJ. Ali, é o local previsto para serem construídas as estruturas temporárias (overlay) do Estádio do Maracanã para a Copa do Mundo.

A demolição desta área, que era do Ministério da Agricultura, será realizada pela Concessionária do Maracanã, com autorização do Estado. Depois da Copa, esta área onde ficará a estrutura provisória para a Copa será utilizada para a construção do Museu do Futebol, previsto para ficar pronto para as Olimpíadas.

*Atualizada às 12h51