icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
04/11/2013
14:51

A brasileira Poliana Okimoto certamente vai guardar o ano de 2013 na memória. Após conquistar três medalhas no Campeonato Mundial de Esportes Aquáticos, disputado em Barcelona (ouro na maratona de 10km, prata nos 5km e bronze na prova por equipes), ela foi eleita a melhor nadadora de águas abertas do mundo pela revista americana Swimming World, que, desde 2005, elege os principais nadadores da temporada. Esta é a primeira vez que o título fica com uma atleta nascida fora da Europa.

- Fico muito feliz porque dediquei toda a minha vida para a natação e sei o quanto é duro. Esse título é muito gratificante porque é a prova de que o trabalho está sendo valorizado por pessoas extremamente competentes. E fico ainda mais contente porque sou a primeira atleta fora do continente europeu que consegue ser eleita a melhor do mundo pela revista - comemorou Poliana.

No masculino, o prêmio da revista foi dado ao nadador alemão Thomas Lurz, de 33 anos, ouro na provas de 25km do Mundial de Barcelona, além da prata nos 10km e bronze nos 5km.

Poliana, além das conquistas no Mundial, ainda venceu duas etapas da Copa do Mundo de maratona aquática este ano. De quebra, a brasileira ainda quebrou o recorde sul-americano dos 1.500m na piscina, durante o Troféu José Finkel.

A revista Swimming World divulgará outra premiação no mês de dezembro. Desta vez, o veículo publicará o resultado da votação dos melhores nadadores do mundo, incluindo piscinas e águas abertas. Poliana Okimoto foi indicada aos melhores atletas do ano pela Federação Internacional de Natação (Fina), premiação mais importante da natação mundial. O resultado sai em 2014, na primeira edição da revista Fina.

Poliana ainda se prepara para as duas últimas competições que irá participar em 2013. O Rei e Rainha do Mar, que será realizado nos dias 14 e 15 de dezembro, em Copacabana, e o Torneio Open, em Porto Alegre, entre os dias 18 e 21 do mesmo mês.