icons.title signature.placeholder David Nascimento
08/07/2014
12:36

Mais uma mudança na diretoria do Flamengo aconteceu no início desta terça-feira. Então vice-presidente de relações externas, Plinio Serpa Pinto, aliado do vice de marketing, Luiz Eduardo Baptista, entregou o cargo durante a reunião do Conselho Diretor. E o clube já tem substituto. Trata-se de Michel Assef, que inclusive compareceu na última reunião do Conselho Diretor que contou com a presença do ex-vice-presidente de futebol, Wallim Vasconcellos.

E foi justamente pelo fato de Wallim Vasconcellos continuar a interferir no Conselho Diretor que fez Plinio Serpa Pinto pedir o desligamento. Os dois são de correntes políticas opostas nos bastidores do Flamengo e olhavam com ciúmes a pasta do futebol. Em algumas negociações, por conta de avanços feitos por um dos dois dirigentes, este ego pelo departamento falava mais alto e fazia com que o clube não fechasse com o jogador. Vale lembrar que Wallim Vasconcellos deixou o cargo no início de junho, após a derrota do Flamengo para o Cruzeiro, na última rodada do Campeonato Brasileiro antes da paralisação para a Copa do Mundo.

E MAIS
> Após novo encontro, Flamengo fica mais próximo de Eduardo da Silva
> Flamengo paga apenas parte dos salários atrasados aos jogadores
> Eduardo da Silva é um bom nome para o ataque do Flamengo?

Esta não é a primeira mudança que acontece na pasta de relações externas durante a gestão do presidente Eduardo Bandeira de Mello. O cargo, inicialmente, era ocupado por Flávio Godinho, que se desligou justamente por atritos com Wallim Vasconcellos. Depois, passou a ser ocupado por Plinio Serpa Pinto, que acabou entregando o cargo pelo mesmo motivo que seu antecessor.