icons.title signature.placeholder Fellipe Lucena
05/11/2014
09:00

O torcedor do Palmeiras só deve voltar a ver o atacante Leandro em ação no ano que vem. Embora o clube não tenha divulgado a previsão de retorno, internamente a expectativa é de que o edema ósseo no pé esquerdo do jogador o mantenha fora de combate até o fim desta temporada.

O problema foi causado por um pisão, e o tratamento dura cerca de um mês. Leandro reclamou de dores na semana passada e nem viajou a Salvador para enfrentar o Bahia, no domingo. Um exame de imagem constatou o edema.

A temporada do ex-gremista foi bem menos positiva do que a anterior. Emprestado pelo Grêmio, ele fez 19 gols em 2013, foi artilheiro do elenco e foi convocado duas vezes para a Seleção Brasileira. Comprado por cerca de R$ 8 milhões no início deste ano, fez apenas quatro gols em 35 jogos e vinha sendo reserva.

No departamento médico, também estão o volante Eguren e os atacantes Rodolfo e Cristaldo. O último, que se recupera de uma entorse no tornozelo esquerdo, é o que deve voltar mais depressa: correu no gramado nessa terça-feira, mas dificilmente terá condições de enfrentar o Atlético-MG, sábado, no Pacaembu. O volante Wesley, suspenso, é baixa confirmada.