icons.title signature.placeholder Igor Siqueira
11/06/2014
14:22

Os estádios brasileiros serão os últimos palcos que receberão as apresentações do maestro Pirlo com a camisa da Itália. O meia assegurou nesta quarta-feira, na entrevista coletiva concedida em Mangaratiba, que os jogos pela seleção estão contados.

- Penso em terminar depois do Mundial. Quando se chega a uma certa idade... Seria inútil continuar, é preciso dar espaço aos mais jovens. Mas, se precisarem, não tem problema. Mas se eu vier para a seleção e não jogar, vou ficar p... Então é melhor eu ficar em casa - disse o jogador de 35 anos, que renovou contrato com a Juventus por mais duas temporadas.

Pirlo, campeão do mundo em 2006, não vê a equipe atual dependente somente da sua técnica, especialmente nas bolas paradas.

- Não depende de mim. A Itália depende do time. São 23 jogadores. Para chegar longe, como em 2006, não basta só um jogador - completou o craque, acrescentando que nunca imaginou ser um astro do futebol mundial:

- Ser conhecido mundialmente nunca me interessou, queria só me divertir, jogar bola.

Com Pirlo, a Itália estreia na Copa-2014 sábado, contra a Inglaterra, em Manaus.