icons.title signature.placeholder Bruno Andrade e Felipe Bolguese
08/11/2013
07:17

Campeão do Campeonato Mineiro, da Copa do Brasil e do Campeonato Brasileiro. Este foi o Cruzeiro de 2003, primeiro e único time brasileiro a conquistar a Tríplice Coroa. Campeão nacional, craque do Brasileirão e nova sensação no Brasil com as saídas de Neymar e Bernard. Este pode ser o Everton Ribeiro de 2013. Tríplice coroa individual à vista? Confiança é o que não falta para o meia cruzeirense fechar a temporada em grande estilo.

Caso vença o Grêmio, domingo, no Mineirão, e o Atlético-PR perca para o São Paulo, no Durival de Britto, o Cruzeiro vai garantir de forma antecipada o tricampeonato do Brasileirão (1966, 2003 e 2013).

- Nosso time encarou e segue encarando como uma responsabilidade a mais. Usamos isso como uma espécia de pressão positiva também. Todos os jogadores entenderam bem a responsabilidade de vencer e manter a vantagem na tabela. Por isso entramos em todos os jogos muito atentos, focados - declarou o camisa 17, em entrevista especial ao LANCE!Net.

Com o título nacional praticamente garantido, Everton Ribeiro pode se dar ao luxo de sonhar com o prêmio de melhor jogador da competição.

- Sei que estou fazendo um grande Brasileirão. Comecei pensando em ser um dos destaques. A nossa equipe tem muitos grandes jogadores que estão me ajudando bastante para poder sempre melhorar a cada jogo. Primeiramente penso no campeonato, em confirmar o título. Se eu conseguir isso, quem sabe... Se eu mantiver essa média de jogos, em bom nível, pode acontecer (ser eleito o craque do Brasileirão). Vou ficar muito feliz, com certeza - explicou.

Clique no banner abaixo do LANCE!Digital e veja também as declarações de Everton Ribeiro sobre os segredos da Raposa na temporada, a proposta que quase o tirou do Brasil, a rivalidade acirrada com o Atlético-MG e o sonho de vestir a camisa principal da Seleção Brasileira.