icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
20/03/2014
21:13

A morte de Hilderaldo Luís Bellini, ex-zagueiro e bicampeão mundial pela Seleção Brasileira, movimentou o mundo da bola na noite desta quinta-feira. Por meio do Twitter, personalidades do futebol prestaram suas homenagens ao capitão do Brasil na Copa do Mundo de 1958.

O ex-zagueiro William, que se destacou com as camisas de Grêmio e Corinthians, usou a alcunha de “capita” para se despedir de Bellini. Ele também lembrou que o bicampeão mundial foi quem eternizou a “erguida de troféu” com os braços estendidos para o alto.

“Descanse em Paz #‎Bellini, Capitão do Mundial de 58 e o 1º a fazer o gesto de erguer a taça da Copa. #BelliniCapita”, escreveu William.

Luiz Gustavo, volante do Wolfsburg e da Seleção Brasileira, prestou solidariedade à família do ex-zagueiro, destacando o fato de Bellini ter sido o primeiro capitão campeão de uma Copa do Mundo pelo Brasil.

“Meus sinceros sentimentos à família e aos amigos do nosso primeiro capitão campeão do mundo. #RIPBELLINI #Bellini”, publicou Luiz Gustavo.

Lucas Piazon, jovem de apenas 20 anos, também lembrou do ídolo. O jogador do Chelsea, hoje emprestado ao holandês Vitesse, citou que, com o título mundial de 58, Bellini “abriu caminho” para as demais gerações brasileiras.

“Faleceu hoje #Bellini, nosso 1º capitão campeão mundial. Agora é imortal. Obrigado por abrir o caminho. #RIP”, escreveu Piazon.

Gilmar Luiz Rinaldi, ex-goleiro campeão do mundo em 94 e atualmente empresário, declarou que o “time do céu” ganhou um “grande capitão”.

“O time do céu agora já tem um grande capitão. Bellini, para sempre o seu gesto erguendo a taça vai permanecer com a gente. Descansa em paz, capitão”, comentou Gilmar.

Marco Aurélio Cunha, ex-dirigente do São Paulo e vereador, confessou que, se hoje ama o clube do Morumbi, Bellini tem sua responsabilidade. Ele também publicou uma foto na qual aparece ao lado do ex-zagueiro. 

“Ídolos que me fizeram amar o SPFC. Bellini e Roberto Dias”, escreveu Marco Aurélio.

Menos um herói! Bellini é homenageado no Rio de Janeiro