icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
12/07/2014
19:30

Aberto, em tese, apenas à imprensa, o jogo-treino do Corinthians contra o Audax na manhã deste sábado, no CT Joaquim Grava, também contou com a presença de aproximadamente 40 torcedores. Devidamente uniformizados com vestimentas alvinegras, parentes, amigos e conhecidos de jogadores assistiram, com "exclusividade", à partida do Timão.

Engana-se quem pensa que a "privilegiada" torcida foi ao centro de treinamento do Corinthians apenas para exaltar os atletas de sua equipe. Torcedores das mais distintas idades reclamaram ao longo de toda a atividade do baixo nível técnico demonstrado por ambas os times.

Um pequeno corintiano de pouco mais de quatro anos chegou a gritar "O Timão está parecendo o Brasil contra a Alemanha" após o Audax anotar dois gols em sequência. O jovem fez referência clara à goleada de 7 a 1 aplicada pelos alemães sobre a Seleção Brasileira na última terça-feira.

Quando o árbitro apontou para o centro do gramado apitando o término do jogo-treino, no entanto, os "cornetas" transformaram-se em fãs e formaram longas filas para tirar fotos e conseguir autógrafos com os principais jogadores da partida. Os destaques foram Guerrero e Renato Augusto – anotaram um gol cada – e Cássio – não sofreu gols. Os três atenderam, calma e atenciosamente, torcedor por torcedor por cerca de 15 minutos.

Torcedores do Corinthians dividem espaço com jornalistas durante jogo-treino no CT Joaquim Grava (Foto: Lucas Faraldo)

Torcedores sofrem com vento e frio no CT Joaquim Grava (Foto: Lucas Faraldo)