icons.title signature.placeholder Marcio Porto
21/12/2013
06:02

A Penalty vai continuar como fornecedora de material esportivo do São Paulo. Nesta sexta-feira, a empresa pagou cerca de R$ 7 milhões que devia ao clube e aliviou a tensão que se instaurou na parceria.

A dívida abria a possibilidade de o São Paulo quebrar o contrato com a fornecedora, que vence em dezembro de 2015, e, nos últimos dias, o nome da Adidas, empresa alemã, ganhou força no Morumbi.

O acordo foi feito após diversas reuniões entre as partes e o São Paulo recebeu a quantia à vista.

As partes agora trabalham no lançamento do uniforme da temporada 2014, que deve sair até o início do Campeonato Paulista, no próximo mês. A Penalty é fornecedora oficial do São Paulo desde o fim de 2012, quando foi anunciado um acordo que rende cerca de R$ 35 milhões ao clube pelo contrato.

O Tricolor recebe uma quantia fixa, peças fornecidas anualmente com valor de mercado, bonificação por performance e royalties.

Além do uniforme oficial, a empresa deve lançar outros modelos no próximo ano, fórmula que foi motivo de receita nesta temporada.