icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
04/11/2014
18:14

A comissão técnica e os jogadores do Santos trataram o último treino antes de encarar o Cruzeiro, no jogo de volta da semifinal da Copa do Brasil, na quarta-feira, às 22 horas, na Vila Belmiro, da mesma maneira como o jogo: o mais importante do ano. O técnico Enderson Moreira fez questão de trabalhar os quesitos que podem ser mais decisivos: bola parada, finalização e pênaltis. Depois, o técnico mexeu na escalação, promovendo três mudanças.

Primeiro, todos os atletas no gramado, inclusive reservas, participaram das conclusões a gol, cruzadas pelas laterais. Posteriormente, o time titular fez alguns minutos de um trabalho tático, para acertar o posicionamento.

A equipe sem coletes foi formada por: Aranha; Cicinho, Edu Dracena, Bruno Uvini e Mena (Caju); Alison (Renato), Arouca e Lucas Lima; Robinho, Gabriel e Rildo (Jorge Eduardo). Na zaga, David Braz não treinou e com dores nas costas só assistiu ao trabalho, sendo dúvida para a partida. No restante, as mudanças foram por opção.


Enderson mexeu no time e tem dúvidas para a escalação (Foto: Ivan Storti/LANCEPRESS!)

Por fim, o treinador pediu que os cinegrafistas e fotógrafos parassem com os registros do trabalho técnico, por questões de privacidade, principalmente nas cobranças das penalidades.

 Os relacionados para a partida ficarão concentrados no Hotel Recanto dos Alvinegros, no próprio CT Rei Pelé, até o horário do confronto.