icons.title signature.placeholder Bruno Grossi
28/02/2015
11:00

Quando chegar ao São Paulo no início da próxima semana, Wesley poderá reencontrar um amigo de longa data no elenco. Com Hudson, o ex-palmeirense se formou profissional no Santos e mantém amizade que já dura quase uma década.

– Jogamos juntos, é parceiro e muito gente boa. Nos conhecemos desde os 18 anos - conta Hudson ao LANCE!Net.

A relação da dupla começou na equipe sub-20 do Santos, ainda em 2006. Dois anos depois, eles foram promovidos ao time profissional do Peixe pelo técnico Emerson Leão, mas logo se desencontraram no futebol.

Hudson passou por times do Nordeste e do interior de São Paulo, enquanto Wesley teve bons momentos no Santos após passagem pelo Atlético-PR e voltou ao Brasil em 2012 depois de aventura no Werder Bremen (ALE) para jogar no Palmeiras.

O reencontro é comemorado por Hudson, mas ainda não foi tema das conversas entre eles. O volante só aproveitou para elogiar o comportamento do novo companheiro de time.

– Ele é gente boa e, com certeza, um cara muito brincalhão. Ainda não conversamos sobre a vinda dele, porque ele é um cara discreto – disse.

Curiosamente, Hudson foi contratado pelo São Paulo justamente quando os boatos sobre a chegada de Wesley começaram, por volta de abril do ano passado. Desde então, o camisa 25 disputou 30 jogos e marcou apenas um gol.