icons.title signature.placeholder Felipe Mendes
16/12/2013
21:27

O zagueiro do Corinthians Paulo André evitou falar em nome do Bom Senso FC sobre a decisão do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), na noite desta segunda-feira, de punir a Portuguesa com perda de quatro pontos por conta da escalação irregular de Héverton na última rodada do Brasileirão, o que acarretou a queda para a Série B do clube paulista e manteve o Fluminense na Série A. Porém, o jogador foi bastante incisivo nas causas de toda a confusão:

- O Bom Senso trabalha com o consenso entre quase mil atletas. Temos consenso em dois temas: fair play e calendário. Eu não posso falar pelo Bom senso sobre esse tema, só posso falar por mim. Nesse caso, eu acredito que isso que aconteceu com a  Portuguesa e com o Fluminense no Campeonato Brasileiro é fruto da desorganização da CBF, é fruto da inoperância das pessoas que gerem o futebol no país e o resultado disso mais uma vez é uma decepção. A CBF é uma vergonha para o futebol brasileiro e para a história do futebol brasileiro. Não conseguir organizar o campeonato e fazer com que ele termine sem esse final triste é algo infeliz. Deixa a todos tristes e lamentamos essa postura de ineficiência - desabafou Paulo André.

O jogador, que é um dos líderes do Bom Senso FC, não descartou a possibilidade do movimento discutir a questão da Justiça Desportiva brasileira como uma das bandeiras do movimento.

- Trabalhamos em uma democracia e precisamos do voto de todos para definir a posição do grupo. Sem dúvida é uma bandeira a ser levantada em 2014. Precismaos construir um projeto nesse sentido assim como sobre a violência nos estádios. O Bom Senso existe há três meses e tem lutado muito. Infelizmente a CBF e os órgãos competentes não respondem às demandas, não nos atendem e ficam fingindo que está tudo bem - disse o zagueiro.

Por fim, Paulo André acredita que a Lusa deve sim tentar recorrer da decisão:

- A Portuguesa deve seguir na sua luta. De qualquer forma, a credibilidade do Campeonato Brasileiro fica abalada. Não sei se patrocinadores e as pessoas de bem vão continuar acompanhando.

Paulo André participa na noite desta segunda do Prêmio Atitude no Esporte, organizado pela Hoopsports, empresa de marketing, no Hotel Windsor, na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio de Janeiro (RJ). Ele receberá o troféu Atitude na Vida Esportiva pela sua participação no movimento Bom Senso FC.