icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
26/03/2014
11:31

No Flamengo, a última rodada do Campeonato Brasileiro foi marcada pela polêmica com a escalação irregular do lateral-esquerdo André Santos. A partida, porém, também ficou na memória do atacante Paulinho. Na ocasião, o jogador sentiu dores na região pubiana, que o atrapalharam no início desta temporada.

Já recuperado, o camisa 26 acredita que pecou por não ter iniciado os tratamentos ainda no fim do ano. Só após a derrota para o León (MEX), o jogador comunicou o problema ao técnico Jayme de Almeida.

- No último jogo do Brasileiro, contra Cruzeiro, saí com dores no púbis, mas fui para casa nas férias. Foi um erro meu, não voltei para tratar. No início do ano, fui até o meu limite, senti que não dava mais e, na volta do México, já não dava mais. Pedi para ficar fora, não estava rendendo bem para o time, e deu certo este tempo. Agora estou indo bem de novo - explicou Jayme.

Bem fisicamente, Paulinho ainda espera para dar a volta por cima e conquistar novamente o espaço no time titular, principalmente na semifinal contra a Cabofriense.

- Estou bem, 100% e à disposição do Jayme de Almeida. Não tem concorrência com Gabriel, Everton, Mugni. Todos têm trabalhado bem para deixar uma dúvida na cabeça do Jayme e está sendo uma disputa bem sadia entre nós – garantiu o jogador.

Umas das apostas do Fla vinda do interior paulista, Paulinho foi o único que conseguiu cair nas graças do torcedor e espera receber ainda mais o apoio das arquibancadas.

- Já me ajudaram bastante. Cheguei com desconfiança aqui no Flamengo, adquiri respeito não só do clube, mas da torcida, e só tenho a agradecer, pois quanto mais incentivarem, isso vai ser bom para mim dentro de campo – lembrou.

Em 54 partidas no Rubro-Negro, o jogador marcou seis gols, sendo um na última rodada, contra a própria Cabofriense, no jogo válido pela Taça Guanabara.