icons.title signature.placeholder Eduardo Mendes, Maurício Oliveira e Thiago Salata
01/07/2014
17:10

O jogo-treino disputado entre os reservas do Brasil e o time sub-20 do Fluminense terminou com vitória da Seleção por 2 a 0. Na atividade realizada na tarde desta terça-feira, o técnico Luiz Felipe Scolari observou os jogadores que podem entrar na vaga de Luiz Gustavo, suspenso, e deu indícios que não irá improvisar. Autor dos dois gols, Paulinho foi o destaque da atividade e sai à frente para na disputa com Ramires e Hernanes por um lugar ao lado de Fernandinho.

A Seleção foi escalada com Victor (Jefferson), Maicon, Henrique, Dante e Maxwell; Paulinho, Ramires e Hernanes; Bernard, Willian e Jô. Paulinho atuou como primeiro volante durante o treinamento e pode ser o escolhido para começar a partida diante da Colômbia, na sexta-feira. Ao lado de Ramires e Hernanes no meio de campo, ele se posicionou à frente da defesa, dando mais liberdade para os outros dois avançarem.

O único gol do primeiro tempo foi marcado justamente por Paulinho. Após cobrança de escanteio, Jefferson não segurou a bola, soltando-a nos pés do volante, que só emperrou. O jogador ainda teve a chance de marcar o segundo em um chutaço de fora da área, que passou bem próximo à trave direita. Maxwell e Maicon também quase marcaram em chutes de fora da área.

No segundo tempo, a única alteração aconteceu nos gols. Victor passou a defender o Fluminense e Jefferson foi para o gol do Brasil.

Os reservas ampliaram a vantagem novamente com Paulinho, que desta vez balançou as redes de pênalti. O auxiliar técnico Flávio Murtosa repetiu a cobrança mais quatro vezes. Bernard, Hernanes e Willian marcaram, enquanto que Jô chutou para fora.

Com mais posse de bola, o Brasil teve total domínio do jogo e pouco foi ameaçado pelo Tricolor. O destaque negativo da atividade ficou por conta de Jô. O atacante teve três oportunidades para marcar, mas finalizou muito mal.