icons.title signature.placeholder TÊNIS NEWS
02/02/2015
18:59

Mais uma brasileira garante presença no Rio Open, torneio WTA. Paula Gonçalves, atleta do CT Kirmayr, comandado por Carlos Alberto Kirmayr, em Serra Negra (SP), se une a Teliana Pereira e Bia Haddad Maia no maior evento de tênis da América do Sul.



O Rio Open acontece de 16 a 22 de fevereiro, no Jockey Club Brasileiro, com premiação de U$ 1,5 milhão para os homens e U$ 250 mil para as mulheres. A organização é da IMX.

 

Simpática, bonita e muito querida entre as tenistas brasileiras, Paula, tenista de Campinas (SP), vive o auge da maturidade no tênis e como consequência, seu melhor momento da carreira desde meados da temporada passada, quando alcançou a posição 254a em simples e 159o em duplas.

 

"Estou feliz por ter recebido esse convite para a chave do Rio Open e em primeiro lugar gostaria de agradecer ao Lui (Luiz Carvalho, diretor do Rio Open). É sempre especial jogar em casa com toda a torcida a nosso favor, e a energia do Rio é especial . Me sinto mais experiente e mais confiante para jogar essa chave, aprendi muito ao longo do ano passado e comecei meu 2015 bem, venho de boas semanas nos EUA, que me deram muita confiança. Farei meu melhor e espero contar com a torcida de todos", disse.

 

No último final de semana, Paula e Bia Maia foram vice-campeãs de duplas em Sunrise, na Flórida, torneio da Federação Internacional de Tênis (ITF), com premiação de US$ 25 mil. Em 2014, a tenista treinada por Carlos Kirmayr também alcançou as quartas de final do WTA de Charleston.

 

Com quatro títulos ITF de simples e 14 de duplas, Paula Gonçalves, atual 286a do ranking, ganhou em 2013 o "Prêmio Coração" dado pela ITF durante a disputa da Fed Cup daquele ano, quando ganhou todas as partidas de simples e duplas que jogou representando o Brasil. E no próximo final de semana, a tenista estará novamente defendendo o País no Zonal Americano da maior competição por países do circuito, em San Luiz de Potosi, no México. Paula atuará ao lado de Teliana Pereira e Bia Maia em busca de uma vaga no Grupo Mundial II da Fed Cup.

"A Paula é uma guerreira e está cada dia mais madura, pronta para dar um passo maior na carreira e o convite para a chave principal do Rio Open é mais que merecido pelos resultados que ela vem obtendo nos últimos meses", disse Luiz Carvalho, diretor do Torneio.

 

Com o convite de Paula Gonçalves, o Brasil já conta com a presença de oito tenistas nas disputas das chaves principais masculina e feminina: Teliana Pereira, Bia Maia, Thomaz Bellucci e João Souza nas simples; Marcelo Melo, Bruno Soares e André Sá, nas duplas.

 

Também já estão confirmadas as presenças de Sara Errani, Roberta Vinci, Sorana Cirstea , entre outras, além de Rafael Nadal, David Ferrer, Fabio Fognini e Tommy Robredo no masculino.

 

Paula já chegou em San Luis Potosi, no México, e realizou seu primeiro treino com a equipe da Fed Cup que tem, além de Teliana, Gabriela Cé e Bia Maia. Os jogos começam nesta quarta e o Brasil joga a primeira fase do Zonal Americano contra Colômbia e Chile.