icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
16/03/2014
12:21

Classificado já no Campeonato Gaúcho, o Grêmio joga neste domingo ainda pela competição estadual. Utilizará os reservas, até para dar descanso ao time titular antes de uma sequência que será complicada para o clube: decisões na Libertadores e também no Gauchão.

A rotina será pegada. Depois do jogo com o Newell's Old Boys, na quarta-feira, em Rosário, o Grêmio jogará no domingo, pelas quartas de final. Dia 26, joga as semifinais, se classificar-se para a próxima fase do Gauchão. E, se chegar na decisão, joga dia 30 de março. O próximo jogo na Libertadores ocorre dia 2, contra o Atlético Nacional, na Colômbia.

No fim de semana seguinte a esse jogo, haverá uma folga no calendário, para que o Inter atue contra o Peñarol, no amistoso de reinauguração oficial do Estádio Beira-Rio. Assim, o Tricolor tem certo descanso. Mas, para correr muito depois: jogo com o Nacional, dia 10, na Arena, e segundo jogo da final do Gauchão, dia 13 de abril.

- O desgaste vai ser grande. Mas o trabalho do professor fábio foi proveitoso, fizemos tudo para aguentar essa rotina. Agora esperamos ter exito nas duas competições que é o mais importante - admitiu o lateral-esquerdo Wendell.

O técnico Enderson Moreira utiliza o discurso de que sempre colocará em campo o que tem de melhor no momento. Algo que vem acontecendo. Neste domingo, porém, os reservas jogam. E é possível que em alguma das decisões do Gauchão, isto aconteça também. O Tricolor enfrenta o Pelotas, às 16h, com Tiago; Tinga, Pedro Geromel, Bressan e Breno; Matheus Biteco, Léo Gago, Maxi Rodríguez, Alán Ruiz e Dudu; Everaldo.