icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
02/11/2013
11:37

O técnico Oswaldo de Oliveira comandou um treino de bolas paradas para os jogadores do Botafogo, na manhã deste sábado, no campo anexo do Engenhão. Esta foi a última atividade da equipe alvinegra antes do embarque para Goiânia, que acontece à tarde. No domingo, às 17h, no Serra Dourada, o time enfrenta o Goiás, pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Nas atividades, Edilson e Seedorf foram os encarregados pelas cobranças de faltas e escanteios. Oswaldo também ensaiou algumas jogadas. No decorrer do trabalho, além do treinador, os próprios jogadores conversavam para acertarem o posicionamento em campo. Edilson, além dos cruzamentos, fez alguns gols em chutes de longa distância. O time titular na atividade foi escalado com Jefferson, Edilson, Bolívar, André Bahia e Julio Cesar; Marcelo Mattos, Gabriel, Gegê, Seedorf e Rafael Marques; Elias.

O volante Renato, que deixou o coletivo de sexta-feira antes do fim, não treinou. Ele deve ser desfalque em Goiânia. Os reservas não entraram no treino de bolas paradas - realizaram um treino em campo reduzido. Neste trabalho, Lodeiro, que perdeu a vaga de titular recentemente para Gegê, esteve presente. Além dele, Dória, suspenso pelo terceiro cartão amarelo e desfalque contra o Goiás, participou.

O lateral-direito Lucas, em recuperação de uma cirurgia no tornozelo esquerdo, participou dos treinos físicos e do bobinho, mas apenas assistiu as atividades com bola. Cidinho, retornando após uma cirurgia no joelho direito, participou do bobinho e realizou um treino físico especial com o preparador Leandro Cardoso.

Com 53 pontos, mesma pontuação do Grêmio, o Botafogo é o vice-líder do Campeonato Brasileiro. Os cariocas levam vantagem em relação aos gaúchos nos critérios de desempate. O líder da competição é o Cruzeiro, com 65.