icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
22/08/2015
21:40

O filme se repete para o torcedor corintiano. Em meio a um mata-mata, cujo primeiro jogo foi perdido por 2 a 0, o Timão encara o Cruzeiro, pelo Brasileirão. Foi assim no primeiro turno, quando a equipe alvinegra vinha de derrota para o Guaraní (PAR), pela Libertadores, e será assim neste domingo, às 16h, na Arena, após o tropeço para o Santos, pela Copa do Brasil.

No primeiro encontro entre paulistas e mineiros, ambos com jogadores reservas, o Corinthians levou a melhor, vencendo a Raposa por 1 a 0, em Cuiabá. Agora, a realidade de ambos é bem diferente.

Líder do campeonato, o Timão tenta manter a sequência de 11 partidas sem perder no Nacional. Esse será o primeiro compromisso sem o atacante Luciano, que rompeu o ligamento cruzado do joelho direito e só voltará a campo no ano que vem. Vagner Love ganhará nova chance e será o substituto dele.

O restante da equipe será o mesmo do clássico contra o Peixe, quarta-feira.

- Estávamos brigando entre os primeiros antes do Luciano entrar. É uma perda muito grande, principalmente pelo momento que o Luciano vinha passando... O grupo sentiu bastante, mas temos algumas opções, quem entrar vai ajudar - analisou o meia Renato Augusto.

Luxa consegue repetir os 11 e tem ‘equipe ideal’ na Arena

Foram 15 jogos pelo Brasileirão e um pela Copa do Brasil. E finalmente Vanderlei Luxemburgo conseguiu encontrar um esquema e os onze jogadores que ele alega serem os ideais para o restante da temporada. Mais do que isso, o comandante celeste conseguirá repetir a escalação pela primeira vez desde que voltou ao clube, no início de junho.

- Gostei da produtividade da equipe (contra o Palmeiras, pela Copa do Brasil). O time jogou com personalidade, como Cruzeiro. Não tenho intenção de mudar a equipe, até porque encontrei um modelo de jogo. Eu vinha buscando isso. Troquei os jogadores, mas o desenho se manteve – comentou Luxemburgo.

A “equipe ideal” estreou com derrota por 2 a 1 para o Verdão, mas mesmo assim agradou a Luxa.

O modelo ideal citado pelo treinador tem como principais características a formação no 4-3-3, abandonando o tradicional 4-2-3-1, e a saída de Arrascaeta, maior contratação celeste no ano e hoje no banco. No meio de campo, três jogadores formam o trio de volantes, mas se revezam nas subidas ao ataque: Charles, Henrique e Fabrício, lateral-esquerdo agora deslocado para o meio. Mais à frente, a aposta é na velocidade de Alisson e Marquinhos, e nos gols de Leandro Damião, que voltou a balançar as redes após mais de dois meses.

FICHA TÉCNICA:
CORINTHIANS X CRUZEIRO

Data e horário: 23/8, às 16h.
Local: Arena Corinthians, em São Paulo (SP).
Árbitro: Pericles Bassols Pegado Cortez (RJ).
Auxiliares: Rodrigo F. Henrique Correa (RJ) e Luiz Claudio Regazone (RJ).

CORINTHIANS: Cássio, Fagner, Felipe, Gil e Uendel; Bruno Henrique, Jadson, Elias, Renato Augusto e Malcom; Vagner Love. Técnico: Tite.

CRUZEIRO: Fábio, Mayke, Manoel, Paulo André e Mena; Charles, Fabrício, Henrique e Alisson; Marquinhos e Leandro Damião. Técnico: Vanderlei Luxemburgo.

O filme se repete para o torcedor corintiano. Em meio a um mata-mata, cujo primeiro jogo foi perdido por 2 a 0, o Timão encara o Cruzeiro, pelo Brasileirão. Foi assim no primeiro turno, quando a equipe alvinegra vinha de derrota para o Guaraní (PAR), pela Libertadores, e será assim neste domingo, às 16h, na Arena, após o tropeço para o Santos, pela Copa do Brasil.

No primeiro encontro entre paulistas e mineiros, ambos com jogadores reservas, o Corinthians levou a melhor, vencendo a Raposa por 1 a 0, em Cuiabá. Agora, a realidade de ambos é bem diferente.

Líder do campeonato, o Timão tenta manter a sequência de 11 partidas sem perder no Nacional. Esse será o primeiro compromisso sem o atacante Luciano, que rompeu o ligamento cruzado do joelho direito e só voltará a campo no ano que vem. Vagner Love ganhará nova chance e será o substituto dele.

O restante da equipe será o mesmo do clássico contra o Peixe, quarta-feira.

- Estávamos brigando entre os primeiros antes do Luciano entrar. É uma perda muito grande, principalmente pelo momento que o Luciano vinha passando... O grupo sentiu bastante, mas temos algumas opções, quem entrar vai ajudar - analisou o meia Renato Augusto.

Luxa consegue repetir os 11 e tem ‘equipe ideal’ na Arena

Foram 15 jogos pelo Brasileirão e um pela Copa do Brasil. E finalmente Vanderlei Luxemburgo conseguiu encontrar um esquema e os onze jogadores que ele alega serem os ideais para o restante da temporada. Mais do que isso, o comandante celeste conseguirá repetir a escalação pela primeira vez desde que voltou ao clube, no início de junho.

- Gostei da produtividade da equipe (contra o Palmeiras, pela Copa do Brasil). O time jogou com personalidade, como Cruzeiro. Não tenho intenção de mudar a equipe, até porque encontrei um modelo de jogo. Eu vinha buscando isso. Troquei os jogadores, mas o desenho se manteve – comentou Luxemburgo.

A “equipe ideal” estreou com derrota por 2 a 1 para o Verdão, mas mesmo assim agradou a Luxa.

O modelo ideal citado pelo treinador tem como principais características a formação no 4-3-3, abandonando o tradicional 4-2-3-1, e a saída de Arrascaeta, maior contratação celeste no ano e hoje no banco. No meio de campo, três jogadores formam o trio de volantes, mas se revezam nas subidas ao ataque: Charles, Henrique e Fabrício, lateral-esquerdo agora deslocado para o meio. Mais à frente, a aposta é na velocidade de Alisson e Marquinhos, e nos gols de Leandro Damião, que voltou a balançar as redes após mais de dois meses.

FICHA TÉCNICA:
CORINTHIANS X CRUZEIRO

Data e horário: 23/8, às 16h.
Local: Arena Corinthians, em São Paulo (SP).
Árbitro: Pericles Bassols Pegado Cortez (RJ).
Auxiliares: Rodrigo F. Henrique Correa (RJ) e Luiz Claudio Regazone (RJ).

CORINTHIANS: Cássio, Fagner, Felipe, Gil e Uendel; Bruno Henrique, Jadson, Elias, Renato Augusto e Malcom; Vagner Love. Técnico: Tite.

CRUZEIRO: Fábio, Mayke, Manoel, Paulo André e Mena; Charles, Fabrício, Henrique e Alisson; Marquinhos e Leandro Damião. Técnico: Vanderlei Luxemburgo.