icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
31/03/2014
15:31

Na manhã desta segunda-feira, a Panini lançou o álbum de figurinhas da Copa do Mundo da Fifa 2014, que será realizada no Brasil. O evento, promovido no Museu do Futebol, no Pacaembu, marcou o anúncio oficial de todos os detalhes da produção e venda do do livro ilustrado. No entanto, algumas polêmicas tomaram conta da coletiva de imprensa. Principalmente a que se refere às figurinhas que envolvem os estádios e alguns jogadores.

Como o álbum é produzido antes das convocações oficiais das seleções para a Copa do Mundo, há chances de contar com jogadores que possivelmente não estarão no Mundial. A maior polêmica pelo lado brasileiro é do atacante Robinho. O jogador do Milan (ITA) não tem aparecido nas convocações do técnico Luiz Felipe Scolari. O presidente da Panini no Brasil, José Eduardo Severo Martins, no entanto, tenta explicar.

- A Panini tem uma empresa chamada Panini Didigtal Soccer, que faz scouting e fornece para grandes federações e clubes informações e estatísticas. Somos um grupo grande, que tem contato com todo mundo. A Escalação é feita com base técnica do ano passado, atletas que eram constantemente convocados para os amistosos. É difícil acertar tudo - ponderou.

No entanto, para esta Copa do Mundo, a Panini quer "saciar" o desejo dos colecionadores que não almejam ter erros em seu álbum. A empresa que confecciona as figurinhas entrou em negociação com Fifa em busca de uma autorização para vender espécies de atualizações após a Copa. Por exemplo, figurinhas de jogadores que foram ao Mundial para substituir os que não estiveram.

Panini quer atualizar  fotos de estádios em álbum da Copa

Isso resolveria, inclusive, a polêmica dos estádios. Como o álbum foi produzido em 2013, muitas das arenas da Copa ainda estavam em processo de construção. Com isso, as figurinhas ficaram com fotos de obras.

- A decisão é sempre colocar a foto do estádio. Mas isso foi feito já no ano passado. É um produto que tem de ser produzido, aprovado e enviado para todos os países. Hoje, a gente não teria condições de fazer isso. O estádio de São Paulo, por exemplo, não está pronto. Essa é outra atualização que estamos pensando, não apenas dos jogadores. Estamos em negociação com a Fifa e vamos ver se conseguimos. Mas o ideal é a foto do estádio pronto, concordo - disse o presidente, que salientou que muitas pessoas não gostarão de fazer a atualização, por gostar da idéia de ter um álbum original para colecionar.

O álbum, lançado nesta segunda-feira para a imprensa, estará à disposição do público apenas no dia 08 de abril. As figurinhas, no entanto, chegam às bancas um pouco antes: 04 de abril.