icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
24/03/2014
14:53

O clássico entre Santos e Palmeiras, realizado nesse domingo, na Vila Belmiro, ficou marcado por ao menos dois incidentes violentos: um palmeirense diz ter sido agredido no setor de visitantes do estádio por pessoas da própria torcida alviverde, enquanto um grupo de santistas atacou um bar onde os rivais costumam se reunir e roubou uma faixa.

O palmeirense agredido é dono de um blog famoso entre os torcedores do clube. Ele diz que levou um soco quando estava deixando a Vila, seguido por diversos chutes, mas não sabe dizer quem foi (ou quem foram) os responsáveis pelo ato. Com fraturas no rosto, ele será operado ainda nesta segunda-feira.

De acordo com relatos de torcedores "comuns" e profissionais de imprensa que foram ao setor dos visitantes, o clima entre os alviverdes era hostil. Membros de torcidas organizadas estariam ameaçando as pessoas por motivos diversos - a venda de ingressos para esta partida foi marcada por confusão, já que apenas sócios-torcedores podiam comprar e um grupo tentou "driblar" a norma estipulada pelo clube.

O outro caso aconteceu em um bar que costuma receber palmeirenses em dias de jogos, na Avenida Senador Feijó. Segundo relatos em redes sociais, torcedores do Verdão que não têm ligação com as uniformizadas foram surpreendidos por um grupo de santistas. Houve agressões e o roubo de uma faixa que costumava ser exibida no estabelecimento, mas ninguém foi detido. De acordo com a Polícia Militar, eram cerca de 50 alvinegros. O caso foi registrado no 7º DP, em Santos, mas será transferido para o 2º DP.