icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
20/07/2013
12:33

O Palmeiras confirmou na manhã deste sábado o empréstimo do volante João Denoni ao Oeste. O vínculo do jovem jogador, de 19 anos, com a equipe de Itapólis (SP), que também disputa a Série B do Brasileirão, será válido até dezembro de 2014. No entanto, o Verdão tem a opção de reintegrá-lo após o Paulistão do ano que vem.

Em entrevista ao site oficial do Palmeiras, Denoni lamentou a falta de espeço no time com a chegada dos últimos reforços para o meio-campo, entre eles, Eguren, Felipe Menezes e Mendieta.

- É um novo desafio para mim. Fiquei um pouco sem espaço com os reforços que chegaram, vieram muitos jogadores de qualidade, e acabou aparecendo esta oportunidade. Vou dar o meu máximo e fazer um bom campeonato para que eu possa voltar em breve ao Palmeiras - declarou.

- Mesmo longe, vou torcer para o Palmeiras, com certeza. Sobre a despedida, o futebol, infelizmente, é assim. Você faz boas amizades, convive com as pessoas mais do que a sua própria família, os vê todos os dias... então, é um sentimento triste. Nós, que somos da base, temos mais tempo juntos ainda, mas vou encarar com mais um desafio e tenho certeza que dará tudo certo - complementou.

Além de Denoni, outro palmeirense também foi emprestado ao Oeste. Trata-se do atacante Emerson, cujo vínculo também vale até o fim de 2014.

O Palmeiras confirmou na manhã deste sábado o empréstimo do volante João Denoni ao Oeste. O vínculo do jovem jogador, de 19 anos, com a equipe de Itapólis (SP), que também disputa a Série B do Brasileirão, será válido até dezembro de 2014. No entanto, o Verdão tem a opção de reintegrá-lo após o Paulistão do ano que vem.

Em entrevista ao site oficial do Palmeiras, Denoni lamentou a falta de espeço no time com a chegada dos últimos reforços para o meio-campo, entre eles, Eguren, Felipe Menezes e Mendieta.

- É um novo desafio para mim. Fiquei um pouco sem espaço com os reforços que chegaram, vieram muitos jogadores de qualidade, e acabou aparecendo esta oportunidade. Vou dar o meu máximo e fazer um bom campeonato para que eu possa voltar em breve ao Palmeiras - declarou.

- Mesmo longe, vou torcer para o Palmeiras, com certeza. Sobre a despedida, o futebol, infelizmente, é assim. Você faz boas amizades, convive com as pessoas mais do que a sua própria família, os vê todos os dias... então, é um sentimento triste. Nós, que somos da base, temos mais tempo juntos ainda, mas vou encarar com mais um desafio e tenho certeza que dará tudo certo - complementou.

Além de Denoni, outro palmeirense também foi emprestado ao Oeste. Trata-se do atacante Emerson, cujo vínculo também vale até o fim de 2014.