icons.title signature.placeholder Caio Carrieri
20/03/2014
19:40

Depois de uma funcionária do Avanti registrar boletim de ocorrência nesta quinta-feira, o Palmeiras entregará à polícia nesta sexta imagens que possam ajudar na identificação dos responsáveis pela confusão na sede do programa de sócios-torcedores.

A venda de ingressos para o clássico com o Santos, na Vila Belmiro, no próximo domingo, pelo Paulista, terminou em confusão e agressão de um torcedor a um prestador de serviço.

Com os vídeos em mãos e outras informações do caso, o delegado Percival Alcântara, do 23º DP, em Perdizes, irá instaurar o inquérito policial para apurar o passo a passo que originou em quebra-quebra e depredação de patrimônio.

Ninguém foi identificado até o momento, mas pessoas que presenciaram a baderna dizem que os vândalos pertencam à torcida organizada.

Segundo o zelador de um prédio vizinho ao escritório do Avanti, funcionários do Verdão passaram no local e já retiraram fitas com imagens que possam elucidar o caso.