icons.title signature.placeholder Guilherme Gomes
26/06/2014
17:35

Enquanto a cidade de Porto Alegre presenciou ontem cenas lamentáveis protagonizadas por parte dos torcedores argentinos que promoveram arrastões, brigas e roubos de ingressos e pertences antes da partida Argentina x Nigéria, no Beira-Rio, o confronto desta tarde entre Coreia do Sul e Bélgica, em São Paulo, foi um contraponto. Em termos de torcida, o duelo pode ser considerado como um dos mais amistosos dessa Copa.

De um lado os sisudos belgas. Do outro, a tradicional cultura oriental. Resultado foi um encontro de cavalheiros ao redor da Arena Corinthians. Com direito a pouca cantoria, torcedores se pintando e tirando fotos . Um dos pontos altos foi um duelo entre belgas e coreanos para ver quem tinha mais samba no pé, promovido por um programa de TV.

Mas se a tranqulidade imperou, a preocupação da Polícia já estava no confronto de terça-feira entre Argentina e Suíça, no mesmo local, pelas oitavas de final.

- Hoje está bem sossegado. O problema será na semana que vem com os argentinos quando a situação deve ser bem diferente - afirmou o oficial Leonardo Martins, da Guarda Civil Metropolitana que não quis antecipar nenhum plano especial da polícia para conter os hermanos.

- Pode ser que tenhamos algum esquema especial, mas nada está definido ainda - concluiu.