icons.title signature.placeholder Rodrigo Vessoni
icons.title signature.placeholder Rodrigo Vessoni
27/07/2013
10:05

O Corinthians resolveu preterir o Morumbi e mandar seus clássicos no Pacaembu em fevereiro de 2009, após a decisão do presidente Juvenal Juvêncio de acabar com a divisão de 50% da carga de ingressos nos jogos contra os três rivais. E aquela decisão de Andrés Sanchez, mandatário do Timão à época, teve uma consequência: a supremacia nos Majestosos.

E que supremacia! Quando Juvenal tomou a decisão de exercer o direito de repassar ao visitante apenas 10% dos bilhetes, há pouco mais de quatro anos, talvez não imaginaria que sua equipe se tornasse a principal vítima alvinegra no Pacaembu. O percentual de pontos do Timão contra o São Paulo é maior do que diante de Palmeiras e Santos.

Nos oito confrontos com o Tricolor como mandante, desde então, o Alvinegro obteve 87,5% dos pontos disputados no estádio municipal. Desempenho melhor do que aqueles obtidos diante dos outros dois rivais (veja tabelas ao lado). Foram oito partidas como mandante, com sete vitórias e apenas uma derrota - foi visitante uma vez nesse período no estádio, e perdeu por 3 a 1. A impressionante supremacia fica ainda mais explícita em termos de gol. Nesses oito jogos, o Corinthians marcou o triplo de gols: 21 contra sete.

– A equipe se sente bem no Pacaembu porque tem o apoio da torcida. É a nossa casa. Mas também precisamos fazer por merecer, jogar bem para ganhar. O retrospecto não garante vitória – disse o técnico Tite, que comandou a equipe em quatro desses oito Majestosos em casa.

Tite prega respeito ao São Paulo e lembra Dérbi pós-Tolima

O confronto de amanhã será o quinto entre os rivais nesta temporada. E, até agora, a supremacia corintiana não se restringe ao estádio municipal, já que três foram disputados no Morumbi. Foram três vitórias e um empate, que virou vitória na decisão por pênaltis (vaga na final do Paulista deste ano).

– Aqui no Brasil, joga-se um clássico por mês, isso quebra um pouco o encanto. Mas vamos tentar essa vitória, precisamos dela – lembrou Renato Augusto, que chegou em janeiro e foi fundamental em alguns desses confrontos com o rival do Morumbi.

Relembre a briga Andrés Sanchez x Juvenal
A decisão de Juvenal Juvêncio de ceder apenas 10% da carga total de ingresso no clássico de 15 de fevereiro de 2009, pelo Paulista, foi o estopim para que o estádio rival não fosse mais utilizado pelo Corinthians. Daquele momento em diante, sob a administração de Andrés Sanchez, o Timão nunca mais mandou clássicos no estádio tricolor. Mário Gobbi manteve a mesma linha.

O que é Bullying?
Termo utilizado para descrever atos de agressão física ou psicológica, intencional e repetido, praticados por um indivíduo ou grupo de indivíduos causando dor e angústia, sendo executadas dentro de uma relação desigual de poder. A prática do bullying se concentra na combinação entre a intimidação e a humilhação das pessoas, geralmente mais acomodadas, passivas ou que não possuem condições de exercer o poder sobre alguém ou sobre um grupo. Em outras palavras, forma de abuso psicológico, físico ou social.

TIMÃO COMO MANDANTE NO PACAEMBU APÓS A BRIGA ANDRÉS X JUVENAL:

CONTRA O SÃO PAULO* (87,5% DOS PONTOS):
Desde a queda, o Timão mandou oito jogos contra o São Paulo no estádio. Foram sete vitórias e uma derrota.

17/7/13 Corinthians 2x0 São Paulo - Recopa
26/8/12 Corinthians 1x2 São Paulo - Brasileirão-12
12/2/12 Corinthians 1x0 São Paulo - Paulistão-12
26/6/11 Corinthians 5x0 São Paulo - Brasileirão-11
22/8/10 Corinthians 3x0 São Paulo - Brasileirão-10
29/3/10 Corinthians 4x3 São Paulo - Paulistão-10
21/6/9  Corinthians 3x1 São Paulo - Brasileirão-09
12/4/9  Corinthians 2x1 São Paulo - Paulistão-09

CONTRA O PALMEIRAS* (77,7% DOS PONTOS):
Desde a queda, o Timão mandou seis jogos contra o Palmeiras no estádio. E até agora está invicto: quatro vitórias e dois empates.
 
31/01/10 Corinthians 1x0 Palmeiras Paulistão
24/10/10 Corinthians 1x0 Palmeiras Brasileirão
04/12/11 Corinthians 0x0 Palmeiras Brasileirão
25/03/12 Corinthians 2x1 Palmeiras Paulistão
24/06/12 Corinthians 2x1 Palmeiras Brasileirão
17/02/13 Corinthians 2x2 Palmeiras Paulistão

CONTRA O SANTOS (63,66% DOS PONTOS):
Desde a queda, o Timão mandou dez jogos contra o Peixe no estádio. Foram cinco vitórias, quatro empates e só um revés.
 
22/03/09 Corinthians 1x0 Santos Paulistão
03/05/09 Corinthians 1x1 Santos Paulistão
02/09/09 Corinthians 2x1 Santos  Brasileirão
30/05/10 Corinthians 4x2 Santos Brasileirão
20/02/11 Corinthians 3x1 Santos Paulistão
08/05/11 Corinthians 0x0 Santos Paulistão
18/09/11 Corinthians 1x3 Santos Brasileirão
20/06/12 Corinthians 1x1 Santos Libertadores
24/11/12 Corinthians 1x1 Santos Brasileirão
12/05/13 Corinthians 2x1 Santos Paulistão

*Não conta os jogos do Corinthians como visitante

O Corinthians resolveu preterir o Morumbi e mandar seus clássicos no Pacaembu em fevereiro de 2009, após a decisão do presidente Juvenal Juvêncio de acabar com a divisão de 50% da carga de ingressos nos jogos contra os três rivais. E aquela decisão de Andrés Sanchez, mandatário do Timão à época, teve uma consequência: a supremacia nos Majestosos.

E que supremacia! Quando Juvenal tomou a decisão de exercer o direito de repassar ao visitante apenas 10% dos bilhetes, há pouco mais de quatro anos, talvez não imaginaria que sua equipe se tornasse a principal vítima alvinegra no Pacaembu. O percentual de pontos do Timão contra o São Paulo é maior do que diante de Palmeiras e Santos.

Nos oito confrontos com o Tricolor como mandante, desde então, o Alvinegro obteve 87,5% dos pontos disputados no estádio municipal. Desempenho melhor do que aqueles obtidos diante dos outros dois rivais (veja tabelas ao lado). Foram oito partidas como mandante, com sete vitórias e apenas uma derrota - foi visitante uma vez nesse período no estádio, e perdeu por 3 a 1. A impressionante supremacia fica ainda mais explícita em termos de gol. Nesses oito jogos, o Corinthians marcou o triplo de gols: 21 contra sete.

– A equipe se sente bem no Pacaembu porque tem o apoio da torcida. É a nossa casa. Mas também precisamos fazer por merecer, jogar bem para ganhar. O retrospecto não garante vitória – disse o técnico Tite, que comandou a equipe em quatro desses oito Majestosos em casa.

Tite prega respeito ao São Paulo e lembra Dérbi pós-Tolima

O confronto de amanhã será o quinto entre os rivais nesta temporada. E, até agora, a supremacia corintiana não se restringe ao estádio municipal, já que três foram disputados no Morumbi. Foram três vitórias e um empate, que virou vitória na decisão por pênaltis (vaga na final do Paulista deste ano).

– Aqui no Brasil, joga-se um clássico por mês, isso quebra um pouco o encanto. Mas vamos tentar essa vitória, precisamos dela – lembrou Renato Augusto, que chegou em janeiro e foi fundamental em alguns desses confrontos com o rival do Morumbi.

Relembre a briga Andrés Sanchez x Juvenal
A decisão de Juvenal Juvêncio de ceder apenas 10% da carga total de ingresso no clássico de 15 de fevereiro de 2009, pelo Paulista, foi o estopim para que o estádio rival não fosse mais utilizado pelo Corinthians. Daquele momento em diante, sob a administração de Andrés Sanchez, o Timão nunca mais mandou clássicos no estádio tricolor. Mário Gobbi manteve a mesma linha.

O que é Bullying?
Termo utilizado para descrever atos de agressão física ou psicológica, intencional e repetido, praticados por um indivíduo ou grupo de indivíduos causando dor e angústia, sendo executadas dentro de uma relação desigual de poder. A prática do bullying se concentra na combinação entre a intimidação e a humilhação das pessoas, geralmente mais acomodadas, passivas ou que não possuem condições de exercer o poder sobre alguém ou sobre um grupo. Em outras palavras, forma de abuso psicológico, físico ou social.

TIMÃO COMO MANDANTE NO PACAEMBU APÓS A BRIGA ANDRÉS X JUVENAL:

CONTRA O SÃO PAULO* (87,5% DOS PONTOS):
Desde a queda, o Timão mandou oito jogos contra o São Paulo no estádio. Foram sete vitórias e uma derrota.

17/7/13 Corinthians 2x0 São Paulo - Recopa
26/8/12 Corinthians 1x2 São Paulo - Brasileirão-12
12/2/12 Corinthians 1x0 São Paulo - Paulistão-12
26/6/11 Corinthians 5x0 São Paulo - Brasileirão-11
22/8/10 Corinthians 3x0 São Paulo - Brasileirão-10
29/3/10 Corinthians 4x3 São Paulo - Paulistão-10
21/6/9  Corinthians 3x1 São Paulo - Brasileirão-09
12/4/9  Corinthians 2x1 São Paulo - Paulistão-09

CONTRA O PALMEIRAS* (77,7% DOS PONTOS):
Desde a queda, o Timão mandou seis jogos contra o Palmeiras no estádio. E até agora está invicto: quatro vitórias e dois empates.
 
31/01/10 Corinthians 1x0 Palmeiras Paulistão
24/10/10 Corinthians 1x0 Palmeiras Brasileirão
04/12/11 Corinthians 0x0 Palmeiras Brasileirão
25/03/12 Corinthians 2x1 Palmeiras Paulistão
24/06/12 Corinthians 2x1 Palmeiras Brasileirão
17/02/13 Corinthians 2x2 Palmeiras Paulistão

CONTRA O SANTOS (63,66% DOS PONTOS):
Desde a queda, o Timão mandou dez jogos contra o Peixe no estádio. Foram cinco vitórias, quatro empates e só um revés.
 
22/03/09 Corinthians 1x0 Santos Paulistão
03/05/09 Corinthians 1x1 Santos Paulistão
02/09/09 Corinthians 2x1 Santos  Brasileirão
30/05/10 Corinthians 4x2 Santos Brasileirão
20/02/11 Corinthians 3x1 Santos Paulistão
08/05/11 Corinthians 0x0 Santos Paulistão
18/09/11 Corinthians 1x3 Santos Brasileirão
20/06/12 Corinthians 1x1 Santos Libertadores
24/11/12 Corinthians 1x1 Santos Brasileirão
12/05/13 Corinthians 2x1 Santos Paulistão

*Não conta os jogos do Corinthians como visitante