icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
25/03/2014
14:25

O treinamento do Internacional na manhã desta terça-feira teve algumas novidades, embora entre os reservas. Em trabalho coletivo comandado pelo auxiliar de Abel Braga, o meia-atacante Otávio treinou normalmente e está liberado para ser utilizado pelo comandante. Outra novidade foi a presença do volante Léo Ortiz, 18 anos, filho da ex-estrela do futsal brasileiro, o pivô Ortiz.

Enquanto os titulares faziam um trabalho de finalização, o restante do elenco estava no outro campo do CT. Fazia um treinamento coletivo. A atividade serviu para que jogadores como Otávio e Maurides, que estão recuperados de lesão e se tornam opções para Abelão. Otávio demonstrou boa movimentação, desarmou, dividiu e correu seu demonstrar ressentimentos pela lesão muscular na coxa esquerda. Marcou, inclusive, dois gols.

Outra novidade foi o volante Léo Ortiz, que integra o plantel júnior colorado. Filho do auxiliar técnico do time sub-23, Luis Fernando Ortiz, ex-pivô que brilhou com a camisa do Inter e da Seleção Brasileira nas quadras de futsal. Ortiz também é conhecido por ser comandante do projeto Aprimorar, que teve como "garoto propaganda" o centroavante Leandro Damião, atualmente no Santos.

Lateral dos juniores, William também participou da atividade. Foi a primeira vez que o jogador, que é constantemente convocado para a Seleção Brasileira, esteve com o elenco principal, como Ortiz. Após a atividade, relatou felicidade e valorizou a experiência ganha. 

O treinamento teve as equipes bastante misturadas. Zagueiro considerado reserva, Índio treinou no time que tinha Alan Ruschel, Otávio, Maurides, Murilo e Augusto, por exemplo. Mas no outro lado estavam jogadores bastante utilizados por Abel, como Ygor, Cláudio Winck, Eduardo Sasha e Gladestony.

O Colorado volta a atuar nesta quarta-feira, às 22h, contra o Caxias, no Estádio do Vale. Abelão deve repetir o time que eliminou o Cruzeiro-RS nas quartas, com Dida; Gilberto, Paulão, Juan e Fabrício; Willians, Aránguiz e Alex; D'Alessandro, Wellington Paulista e Jorge Henrique.

Otávio disputa bola com Winck em coletivo dos reservas do Inter (Foto: Eduardo Moura)