icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
12/07/2014
19:15

Os 3 a 0 para a Holanda na disputa do terceiro lugar neste sábado, em Brasília, ainda não serviram para despertar o senso crítico dos jogadores da Seleção. Apesar de o goleiro Jasper Cillessen não ter sido exigido durante os 90 minutos, o meia Oscar avaliou a atuação do Brasil como boa.

- Tomamos o gol com um, dois minutos. O que podemos fazer? Sair atrás é muito difícil. Criamos chances e até jogamos bem, mas perdemos. Não tem o que falar mais nada. Agora, é ver o que erramos para melhorar para o futuro - disse o jogador.

A derrota seguida de uma goleada da Alemanha por 7 a 1, na terça-feira, na semifinal, deixou os jogadores ainda mais envergonhados em Brasília. Cotada como favorita, a Seleção termina o Mundial disputado em casa apenas na quarta colocação.

- É um sentimento horrível. Não tem o que falar. Sofremos uma grande derrota para a Alemanha que ninguém esperava. Hoje entramos desde o começou para tentar vencer e conquistar o terceiro lugar, mas não foi o nosso dia. - lamentou o meia.

As vaias da torcida no fim, para Oscar, acabaram sendo justas. O meia frisou que a expectativa criada pelos brasileiros em torno do título foi frustrada.

- Todo mundo sai muito triste, especialmente o povo brasileiro. Lutamos até o fim, mas infelizmente não vencemos - admitiu.