icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
10/07/2013
14:56

Os organizadores da IndyCar garantiram nesta quarta-feira que a próxima etapa em Toronto não será cancelada por conta da forte tempestade que caiu na cidade no início da semana. No período de duas horas, uma forte chuva de 90 milímetros causou o fechamento do metrô, diversas ruas inundadas e 300 mil casas sem energia elétrica.

- A essa altura, não vamos antecipar nenhum rompimento. Nossa equipe de operações está monitorando as condições no local, junto com os promotores, e nenhum problema foi relatado - disse um dos diretores de prova à revista inglesa Autosport.

Não é a primeira vez que uma prova da IndyCar fica ameaçada de sua realização. Em 2011, a passagem do furacão Irene pela costa leste americana, quase atrapalhou a corrida no circuito de Baltimore que por fim teve a sua realização na data programada.

O brasileiro Hélio Castroneves lidera a IndyCar com 332 pontos. Tony Canaan é o quinto colocado com 253.

Os organizadores da IndyCar garantiram nesta quarta-feira que a próxima etapa em Toronto não será cancelada por conta da forte tempestade que caiu na cidade no início da semana. No período de duas horas, uma forte chuva de 90 milímetros causou o fechamento do metrô, diversas ruas inundadas e 300 mil casas sem energia elétrica.

- A essa altura, não vamos antecipar nenhum rompimento. Nossa equipe de operações está monitorando as condições no local, junto com os promotores, e nenhum problema foi relatado - disse um dos diretores de prova à revista inglesa Autosport.

Não é a primeira vez que uma prova da IndyCar fica ameaçada de sua realização. Em 2011, a passagem do furacão Irene pela costa leste americana, quase atrapalhou a corrida no circuito de Baltimore que por fim teve a sua realização na data programada.

O brasileiro Hélio Castroneves lidera a IndyCar com 332 pontos. Tony Canaan é o quinto colocado com 253.