icons.title signature.placeholder João Matheus Ferreira
24/11/2014
07:00

A insatisfação demonstrada pela torcida após a confirmação do acesso à Série A significou muito no planejamento da nova diretoria para o ano que vem. A expectativa é que muitos jogadores deixem o clube, principalmente aqueles que estão emprestados. A partir desta semana, o futuro presidente Eurico Miranda e o vice de futebol José Luiz Moreira terão reuniões quase diárias para fazer avaliações para a próxima temporada.

Segundo o LANCE!Net apurou, porém, a prioridade da nova diretoria é trabalhar com orçamento dentro dos padrões financeiros atuais do Vasco. Assim, podem evitar atrasos salariais, problema crônico no segundo mandato de Roberto Dinamite. Neste ano, o time jogou com média de dois meses de atraso.

Para a montagem do elenco, alguns nomes já são estudados e avaliados, mas todos mantidos em sigilo. Eurico e José Luiz Moreira vêm conversando com alguns empresários para esboçar parcerias e estreitar laços. O agente Carlos Leite, muito atuante no início da gestão de Dinamite, é um dos que devem ajudar nas contratações para 2015.

A diretoria ainda não decidiu sobre a permanência de Joel Santana. Após conquistar a vaga na Série A, o treinador fez lobby para continuar ao dizer que “roeu o osso” na Série B e agora quer "comer o filé" na Série A. O nome dele e de diversos outros jogadores estão dentro dessa avaliação que será feita ao longo da semana pela futura diretoria.

A posse de Eurico Miranda está marcada para terça-feira da semana que vem. Quando assumir, terá um mês para trabalhar a renovação de contratos, contratações e a situação do treinador. O futuro presidente também vai precisar correr atrás de patrocínio, já que a Caixa Econômica Federal segue uma incógnita. Será um mês de trabalho.

INDEFINIÇÃO NO COMANDO DO FUTEBOL

Eurico Miranda ainda não definiu quem será o homem forte para comandar o futebol em sua gestão. O futuro presidente já adiantou que José Luiz Moreira será o vice de futebol, mas nada falou sobre o diretor. Recentemente, porém, adiantou que não é a favor de um profissional remunerado para o cargo, o que dá mais indícios da provável saída de Rodrigo Caetano.

Antônio Lopes, nome antigo no clube, é estudado para ser o coordenador geral, cargo semelhante ao de Gilmar Rinaldi na Seleção Brasileira. Só deve haver definição em dezembro.

BOAS CHANCES DE FICAR

Martin Silva: Tem contrato até janeiro de 2016 e é um dos poucos que a torcida aprova.

Douglas Silva: Foi aprovado e a nova diretoria deve correr para contratá-lo, já que está no Vasco por empréstimo.

Guiñazú: O volante tem contrato até o meio do ano e dificilmente deixará o clube.

Garotada: Jordi, Lorran, Henrique, Luan, Jhon Cley e Thalles só saem em venda.

Reservas: Anderson Salles, Aranda, Montoya e Rafael Silva podem continuar.