icons.title signature.placeholder Bruno Andrade, Eduardo Mendes e Igor Siqueira
16/04/2014
13:57

Marco Polo Del Nero, atual presidente da Federação Paulista de Futebol, foi eleito nesta quarta-feira o novo presidente da CBF. Dos 44 eleitores que votaram a favor de Del Nero, destaque para Rubens Lopes, presidente da Federação Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj). Até o fim de 2013, Lopes articulava com Andrés Sanchez, ex-presidente do Corinthians, e Francisco Novelletto, presidente da Federação Gaúcha, uma chapa de oposição. O projeto não vingou e apenas a chapa da situação foi inscrita no pleito.

- Votei no Marco Polo. Não tenho porque esconder isso - declarou Rubinho.

Abordado sobre o fracasso da chapa opositora, que iria contar com Novelletto como candidato à presidência, o dirigente carioca desconversou e preferiu exaltar o forte apoio dado a Del Nero.

- Por que a eleição da CBF não teve oposição? Aí você precisa perguntar para quem estava brigando para disputar a presidência. Se 44 pessoas votaram a favor do Del Nero, isso prova que os filiados (presidentes de clubes e federações) têm aprovado o trabalho dele - complementou.

A posse de Marco Polo Del Nero novo presidente da CBF vai acontecer somente em 2015. José Maria Marin, atual presidente, será um dos cinco vice-presidentes de Del Nero.