icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
18/06/2014
18:30

Apesar de ter apenas 22 anos, Thomas Almeida é dono de um cartel de intimidar qualquer adversário. Com 16 lutas e 16 vitórias, sendo 12 por nocaute, o lutador vai disputar seu primeiro cinturão de uma competição de MMA internacional nesta sexta-feira, pelo Legacy Fighting Championship 32, em Bossier City, no estado de Louisiana (EUA). O adversário será o compatriota Caio Machado - também invicto no MMA com quatro lutas e quatro vitórias -, pela categoria dos galos.

Focado e preparado para o duelo, "Thominhas" acredita que o décimo sétimo triunfo na carreira pode ser o degrau final a subir antes de alcançar o almejado contrato com o UFC.

- Chegou essa oportunidade excelente, que estava esperando há tempos, de lutar pelo cinturão do Legacy. Acho que vencendo consigo fazer uma boa ponte ao UFC, que é meu objetivo principal. Ganhando esse título não tem para onde correr. Estou muito focado, centrado e com os treinamentos a mil por hora. Não vejo a hora de lutar - analisa o lutador, que detém o cinturão do MMA Super Heroes, conquistado em sua última luta, contra Vinicius Zani, em março.

Para a reta final de preparação, Thomas seguiu para os Estados Unidos junto com seu treinador, Diego Lima, líder da Chute Boxe-SP, para treinar na academia do lendário Jorge Patino Macaco, outro mentor de sua carreira. Thominhas, como é chamado pelos amigos, recentemente recebeu o grau preto de muay thai, uma motivação extra para conquistar o título internacional. Tanto talento já despertou a atenção de outros eventos internacionais, mas seu foco é bem claro.

Thomas encara adversário compatriota pelo cinturão (FOTO: Divulgação)

- Já tive outras propostas muito boas de grandes organizações, mas meu objetivo é o UFC. Estou esperando e para lá que vou. Espero que esse cinturão do Legacy me ajude a chegar ao meu grande sonho. Acho que já mereço uma chance. Sou determinado. Quando boto uma coisa na cabeça, que quero conquistar, não importa quem esteja na minha frente. Vou atrás e vou conseguir - completa. 

Esta será terceira vez que Thomas Almeida irá participar do Legacy FC. Na edição 15, em novembro de 2012, derrotou Cody Willians por nocaute, e no Legacy FC 26, em dezembro de 2013, superou George Pacurariu da mesma forma.