icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
07/04/2014
16:41

A novela da volta de Elias para o Corinthians durou um ano e quatro meses, com intervalos forçados e uma passagem de sucesso pelo Flamengo.

Tudo começou entre meados de dezembro de 2012 e janeiro de 2013, quando Elias se ofereceu à diretoria corintiana, mas ouviu um "não". O jogador encontrou abrigo no Fla, pelo qual teve rápida identificação. Conquistou o título da Copa do Brasil, mas teve de voltar a Portugal porque não houve acerto entre o Rubro-Negro e os portugueses.

Veja os principais capítulos da novela:

Janeiro de 2013
Insatisfeito no Sporting (POR), Elias consegue voltar ao Brasil, mas para o Flamengo. O empréstimo ia até o dia 31 de dezembro, com prioridade de compra. Na época, apesar de gostar do volante, o Corinthians não quis Elias por ainda ter Paulinho em seu elenco. A diretoria achou que não valia a pena trazer um reforço caro para a reserva.


Elias comemora gol contra o Cruzeiro, pela Copa do Brasil (Foto: Bruno de Lima)

Dezembro de 2013
Vendo as negociações entre Sporting e Flamengo se arrastarem, o Corinthians passou a observar de perto a situação do jogador. Chegou a consultá-lo para saber as condições, mas os altos valores assustaram e a diretoria adiou a negociação para o meio do ano.

Março de 2014
Prestes a ser eliminado do Paulistão e pressionado pela torcida, a diretoria do Corinthians retoma as conversas e decide buscar investidores para contratar o jogador, pedido por Mano Menezes desde o ano passado. Flamengo entra na briga e oferece até o contrato com a Adidas como garantia. Sporting faz jogo duro de novo e negócio fracassa.

Abril de 2014
Sporting ameaça acionar Corinthians e Flamengo na Justiça. Diretoria corintiana reage e mantém proposta de 4 milhões de euros parcelados. Clube português, enfim, aceita o acordo. E Elias volta ao Corinthians.