icons.title signature.placeholder Bruno Cassucci, Felipe Bolguese e Rodrigo Vessoni
icons.title signature.placeholder Bruno Cassucci, Felipe Bolguese e Rodrigo Vessoni
21/08/2015
07:05

O Corinthians começou o dia com a notícia de que Luciano, atacante que vive a melhor fase no clube, só voltará aos gramados em 2016. O jogador sofreu lesão no ligamento cruzado anterior do joelho direito, além do menisco lateral, e ficará fora de seis a oito meses.

Horas depois, o LANCE! ouviu o presidente Roberto de Andrade, que não vê mudança no panorama do mercado atual. Nos últimos tempos, o técnico Tite insistiu na contratação de outro atacante, condicionando a conquista do título à chegada de mais um nome, mas a diretoria, além de considerar o elenco bom, repete que não encontra um jogador ideal.

– Sempre achei que temos elenco capaz de brigar pelo título. Se vai ou não, é outro problema. Luciano aconteceu ontem (quarta-feira)... Se chegamos em primeiro com esse elenco, isso mostra alguma coisa. Não responde que não precisa de ninguém. Sempre precisa ou quer qualidade. Isso não tem fim. Qualificar não tem fim – disse o mandatário, em sua sala no Parque São Jorge.

– Não estou questionando se o cara custa 1 milhão, 100 milhões ou 500 bilhões. Não existe o jogador. Não tem o jogador com o perfil que a comissão técnica queira – completou.

Luciano era uma das últimas opções de Tite no setor ofensivo até ir para os Jogos Pan-Americanos de Toronto e se destacar. Voltou, desbancou Love como titular e fez cinco gols em três jogos. Na última quarta-feira, diante do Santos, pela Copa do Brasil, lesionou-se sozinho ao tentar um drible. Após ressonância, foi confirmada a lesão. Ele será operado na próxima semana.

Com a baixa, Tite voltará a apostar em Vagner Love, que já entrou diante do Peixe na Vila Belmiro. O experiente atacante chegou a fazer três gols em três vitórias seguidas do Timão, mas depois amargou jejum de seis jogos. Roberto de Andrade não perde a confiança no atleta.

– É assim que conhecemos o Love? Não. Já já, ele volta. É parte emocional... Tem de adquirir confiança maior. Não desaprendeu a jogar. Ele continua sendo um grande jogador e vai continuar. Fase pior ou melhor, acontece. Eu não acho que ele está jogando tão mal como vocês (jornalistas) enxergam, como todo mundo diz. Não concordo. Ele poderia estar melhor, fazendo gols, sendo artilheiro? Isso é outra coisa. Mas não está tão mal, não – analisou Andrade.

- Bate-bola com Roberto de Andrade, presidente do Corinthians:

Existe a chance de o Corinthians contratar alguém para o ataque, agora que Luciano se machucou?
Quero que vocês (jornalistas) tragam os nomes no mercado para comprar. Não tem. Não tem jogador. Se for trazer por trazer, não precisamos. Precisamos de alguém que venha e que traga qualidade. Senão, não vejo necessidade. Mesmo o time mais top do mundo vai querer melhorar.

O planejamento pode ter sido equivocado? Talvez, se tivesse trazido alguém meses atrás...
Quem tinha meses atrás? Vocês gostam de pegar valor financeiro. Ninguém sabe a real. Vocês gostam de impor. Não é pela situação financeira. O Corinthians não vai quebrar, como vocês disseram... Vocês falaram de desmanche. Nós vendemos dois jogadores. Deixamos de renovar dois jogadores. Falaram que o Corinthians ia acabar. O Corinthians acabou?

Mas saíram quatro jogadores e nenhum foi contratado depois...
Vocês falaram muito porque não renovamos com dois jogadores. Os outros foram vendidos, porque quiseram. Mas o que vocês falam é por causa da saída de dois jogadores...

Se o título não sair, será pela falta dos reforços que o Tite pediu?
Não dá para saber. Ninguém previa que iríamos chegar na virada do turno em primeiro. Nós almejamos o título.

O Corinthians começou o dia com a notícia de que Luciano, atacante que vive a melhor fase no clube, só voltará aos gramados em 2016. O jogador sofreu lesão no ligamento cruzado anterior do joelho direito, além do menisco lateral, e ficará fora de seis a oito meses.

Horas depois, o LANCE! ouviu o presidente Roberto de Andrade, que não vê mudança no panorama do mercado atual. Nos últimos tempos, o técnico Tite insistiu na contratação de outro atacante, condicionando a conquista do título à chegada de mais um nome, mas a diretoria, além de considerar o elenco bom, repete que não encontra um jogador ideal.

– Sempre achei que temos elenco capaz de brigar pelo título. Se vai ou não, é outro problema. Luciano aconteceu ontem (quarta-feira)... Se chegamos em primeiro com esse elenco, isso mostra alguma coisa. Não responde que não precisa de ninguém. Sempre precisa ou quer qualidade. Isso não tem fim. Qualificar não tem fim – disse o mandatário, em sua sala no Parque São Jorge.

– Não estou questionando se o cara custa 1 milhão, 100 milhões ou 500 bilhões. Não existe o jogador. Não tem o jogador com o perfil que a comissão técnica queira – completou.

Luciano era uma das últimas opções de Tite no setor ofensivo até ir para os Jogos Pan-Americanos de Toronto e se destacar. Voltou, desbancou Love como titular e fez cinco gols em três jogos. Na última quarta-feira, diante do Santos, pela Copa do Brasil, lesionou-se sozinho ao tentar um drible. Após ressonância, foi confirmada a lesão. Ele será operado na próxima semana.

Com a baixa, Tite voltará a apostar em Vagner Love, que já entrou diante do Peixe na Vila Belmiro. O experiente atacante chegou a fazer três gols em três vitórias seguidas do Timão, mas depois amargou jejum de seis jogos. Roberto de Andrade não perde a confiança no atleta.

– É assim que conhecemos o Love? Não. Já já, ele volta. É parte emocional... Tem de adquirir confiança maior. Não desaprendeu a jogar. Ele continua sendo um grande jogador e vai continuar. Fase pior ou melhor, acontece. Eu não acho que ele está jogando tão mal como vocês (jornalistas) enxergam, como todo mundo diz. Não concordo. Ele poderia estar melhor, fazendo gols, sendo artilheiro? Isso é outra coisa. Mas não está tão mal, não – analisou Andrade.

- Bate-bola com Roberto de Andrade, presidente do Corinthians:

Existe a chance de o Corinthians contratar alguém para o ataque, agora que Luciano se machucou?
Quero que vocês (jornalistas) tragam os nomes no mercado para comprar. Não tem. Não tem jogador. Se for trazer por trazer, não precisamos. Precisamos de alguém que venha e que traga qualidade. Senão, não vejo necessidade. Mesmo o time mais top do mundo vai querer melhorar.

O planejamento pode ter sido equivocado? Talvez, se tivesse trazido alguém meses atrás...
Quem tinha meses atrás? Vocês gostam de pegar valor financeiro. Ninguém sabe a real. Vocês gostam de impor. Não é pela situação financeira. O Corinthians não vai quebrar, como vocês disseram... Vocês falaram de desmanche. Nós vendemos dois jogadores. Deixamos de renovar dois jogadores. Falaram que o Corinthians ia acabar. O Corinthians acabou?

Mas saíram quatro jogadores e nenhum foi contratado depois...
Vocês falaram muito porque não renovamos com dois jogadores. Os outros foram vendidos, porque quiseram. Mas o que vocês falam é por causa da saída de dois jogadores...

Se o título não sair, será pela falta dos reforços que o Tite pediu?
Não dá para saber. Ninguém previa que iríamos chegar na virada do turno em primeiro. Nós almejamos o título.