icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
29/07/2014
22:52

Portuguesa e Oeste se enfrentaram na noite fria, desta terça-feira, em São Paulo, no estádio do Canindé. O empate de 0 a 0 foi ruim para os dois times, que seguem na parte de baixo da tabela. Com 12 pontos, a Lusa segue na zona de rebaixamento, ocupa a 18ª colocação, mas pode ser ultrapassada pelo Bragantino, que joga no complemento da rodada, contra o Joinville, sábado, em Bragança. O Oeste segue na 16ª posição, primeira fora do Z4, agora com 15 pontos.

Os principais trunfos da Portuguesa eram as estreias de Marcos Assunção, que mesmo em sua primeira partida já foi o capitão, e do atacante Brian Aldave. O ânimo novo dos jogadores parece ter surtido efeito na Lusa, que comandou os 15 minutos iniciais. Aos poucos, o Oeste equilibrou a partida e foi o time de Itápolis que perdeu a melhor chance do primeiro tempo. Após cobrança de falta, Rafael Santos saiu mal e a bola sobrou sozinha para o zagueiro do Oeste, que sem goleiro, mandou por cima.

No segundo tempo o Oeste foi para cima e se mostrou determinado a vencer e levar os três pontos para casa. A equipe de Itápolis pressionou a Portuguesa que acuada, só se defendeu. Aos 14 minutos, o Oeste teve um gol anulado, Serginho tocou na saída de Rafael Santos, mas a arbitragem deu impedimento no lance. A Lusa só levou perigo nas bolas paradas de Marcos Assunção. Mesmo com toda pressão, o Oeste não conseguiu o gol e a partida terminou em 0 a 0.

Na próxima rodada, a Portuguesa visita o Luverdense, no Passos das Emas, enquanto o Oeste recebe o Avaí, em Itápolis, no estádio dos Amaros.