icons.title signature.placeholder Enrico Bruno
18/07/2014
14:11

Embora a tendência seja de ver um mistão do Atlético-MG nesta sábado no Independência, o torcedor do Galo terá um fator extra para esperar uma vitória do alvinegro na partida contra o Bahia. Desde a temporada de 2002, o time mineiro não perde para o tricolor baiano. Quando o comparativo é de jogos como mandante, o tabu aumenta para 15 anos sem ser derrotado para o Bahia.

A última derrota atleticana para o Bahia aconteceu no Brasileirão de 2002. Na época, Genalvo, Cleison, Paulinho, Kim e os outros comandados de Geninho foram derrotados por 5 a 3 na Fonte Nova. Os gols do Galo foram marcados por Michel, Mancini e Marques, enquanto o tricolor marcou com Valdomiro, Geraldo, Nonato, Róbson e Gutiérrez (contra). Já o último revés em casa aconteceu em 1999, ano em que o Galo foi vice-campeão brasileiro. Antes de ser comandado por Humberto Ramos no Brasileirão, Toninho Cerezo esteve à frente da equipe durante a eliminação na Copa do Brasil. Após um empate em 1 a 1 na Bahia, o alvinegro foi derrotado em pleno Mineirão por 1 a 0, deixando o torneio de mata-mata ainda na segunda fase da competição.

MAIS:
> Há dois meses sem jogar, Victor reconhece falta de ritmo de jogo
> Maicosuel recebe elogios, mas cobra melhor desempenho ofensivo

Desde a última derrota para o tricolor, Atlético-MG e Bahia jogaram por outras oito vezes entre 2003 e 2013. Em quatro desses compromissos, o Galo saiu vencedor, deixando o campo de jogo com o empate em outras quatro. No Brasileiro do ano passado, o Atlético-MG derrotou o Bahia no primeiro turno por 2 a 0 no Independência, e empatou sem gols na Fonte Nova.