icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
10/02/2015
16:58

Muricy Ramalho, como de costume, fez mistério e fechou o treino que definiu o time do São Paulo para o clássico desta quarta-feira, contra o Santos, na Vila Belmiro, pela quarta todada do Campeonato Paulista. Nesta terça, o treinador comandou um treino tático sem a presença da imprensa por cerca de 50 minutos e não divulgou a escalação. No entanto, ele deve contar com pelo menos duas novidades: as estreias do zagueiro Dória e do meia-atacante Centurión.

Inscritos no Estadual, os reforços participaram do treino fechado, e devem ser relacionados, porém com situações distintas no clássico. O zagueiro deve começar como titular ao lado de Rafael Toloi na zaga por uma necessidade maior do time, enquanto Centurión fica no banco de reservas. Neste caso, quem perderia a vaga seria Lucão.

A intenção de Muricy é utilizar os reforços o quanto antes para avaliá-los visando a estreia na Libertadores, no próximo dia 18, provavelmente contra o Corinthians. O técnico tem na cabeça que tanto o zagueiro quanto o argentino podem começar como titulares no importante confronto. Centurión jogaria aberto pela esquerda, como companheiro de Luis Fabiano no ataque, já que Pato não poderia atuar por força de contrato. Outra opção é Alan Kardec, mas Muricy prefere utilizá-lo como centroavante.

Quando a atividade foi aberta para a imprensa, os jogadores já se preparavam para disputar o tradicional rachão, já com as formações desfeitas para não dar pistas sobre o time. No entanto, foi possível ver que Souza, recuperado de uma pancada na perna direita, treinou durante todo o tempo e deve jogar. Se tudo ocorrer como Muricy espera, o São Paulo deve ter: Rogério Ceni, Bruno, Rafael Toloi, Dória e Reinaldo; Denilson, Souza, Ganso e Michel Bastos; Alexandre Pato (Alan Kardec) e Luis Fabiano.

O rachão foi vencido pela equipe amarela, comandada por Michel Bastos, Alexandre Pato e Souza. Os vermelhos saíram na frente com gols de Luis Fabiano e Maicon, este com passe de Rogério Ceni, mas no segundo tempo levaram uma virada arrasadora. Pato, com um belo chute de fora da área, Toloi (duas vezes), Thiago Mendes, Ewandro e Boschilia fecharam o 6 a 2 no placar. No geral em 2015, o time vermelho segue em vantagem: 3 a 2.

Após o recreativo o coordenador técnico Milton Cruz e o auxiliar Tata comandaram trabalho de finalização com a maioria dos jogadores. Alguns, como Denilson, Bruno e Reinaldo,  fizeram apenas alongamentos. Os zagueiros Paulo Miranda e Rodrigo Caio, em fase final de recuperação de lesões, treinaram com os preparadores físicos Zé Mário Campeiz e Sérgio Rocha.