icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
21/11/2013
00:59

A derrota por 3 a 1 na noite desta quarta-feira para a Ponte Preta deixou o São Paulo em situação muito complicada na semifinal da Copa Sul-Americana. No entanto, o técnico Muricy Ramalho ainda crê na classificação para a final e diz que é possível fazer três gols de diferença na Macaca, quantidade mínima necessária para o Tricolor avançar.

- É difícil, mas no futebol tudo pode acontecer. A gente pode ir lá, acertar um jogo e fazer três gols, tudo pode acontecer - disse Muricy.

Com a derrota de 3 a 1, o São Paulo precisará vencer o jogo da volta, na próxima quarta-feira, por três gols de diferença ou por dois, caso o placar seja igual ou acima de 4 a 2. Caso faça 3 a 1, a decisão será nas penalidades.

A dificuldade imposta fez Muricy relembrar da situação crítica que o time saiu no Campeonato Brasileiro, em que estava muito ameaçado pelo rebaixamento.

- É uma situação também muito difícil, o rebaixamento era complicado. Estávamos quase lá e esse time deu a volta. Pode ser que chegue nesse segundo jogo e possa surpreender. No futebol tudo pode acontecer, não vamos jogar a toalha, não - analisou Muricy.

O duelo de volta deve acontecer no Estádio Romildo Ferreira, em Mogi Mirim, já que o Moisés Lucarelli foi vetado por não ter a capacidade mínima de 20 mil lugares exigida pela Conmebol.