icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
26/11/2013
18:05

O São Paulo que tentará uma classificação improvável para a final da Copa Sul-Americana diante da Ponte Preta será o mesmo que enfrentou o Botafogo, no último domingo, no Morumbi, pelo Brasileirão. A confirmação veio do técnico Muricy Ramalho nesta terça-feira, em entrevista coletiva. Ou seja, mais uma vez, Luis Fabiano será reserva e o ataque será formado por Ademilson e Aloísio em Mogi Mirim.

- O time já está há algum tempo jogando junto com essa formação, então não tem de fazer muita coisa, não, só alguns detalhes, recuperar a parte física - afirmou o técnico, após o treino da equipe no CT da Barra Funda.

Muricy acredita na classificação mesmo com o São Paulo precisando fazer pelo menos três gols para avançar à final. E o técnico utilizou sua paixão pelo basquete para exemplificar a forma como o Tricolor tem de se comportar no Estádio Romildo Ferreira, nesta quarta-feira.

- Gosto muito de basquete, e quando você está perdendo por 20 pontos, não pode tirar em uma cesta só. É cesta a cesta, não tem loucura, é time organizado, porque senão vira uma pelada, uma bobagem, algo que a gente não quer - disse Muricy.

- Tem de ter paciência, a Ponte deve esperar um pouco, como fez no Morumbi, não temos de nos apressar e fazer as coisas erradas. É procurar o gol naturalmente - completou o técnico.

O primeiro jogo, na semana passada, acabou 3 a 1 para a Ponte Preta, que agora pode perder por até dois gols de diferença, desde que seja abaixo de 4 a 2. Se o placar da ida se repetir, a decisão será nos pênaltis.

Com a confirmação de Muricy, o Tricolor deve ir a campo com: Rogério Ceni, Paulo Miranda, Rodrigo Caio, Antônio Carlos e Reinaldo; Denilson, Maicon, Douglas e Ganso; Ademilson e Aloísio. Na primeira partida, a única mudança foi a entrada de Lucas Evangelista no lugar de Douglas. Não deu certo.