icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
20/11/2013
10:01

Grande parte do grupo da Seleção feminina de handebol se apresenta nesta quarta-feira para a disputa do Mundial da modalidade, que ocorrerá entre os dias 6 e 22 de dezembro, na Sérvia. A equipe terá duas semanas de treinamento na Europa para tentar manter, no torneio mais importante do ano, o retrospecto perfeito que obteve em 2013.

O time comandado pelo dinamarquês Morten Soubak disputou 18 partidas nesta temporada. Em meio a amistosos e conquistas dos Campeonatos Sul-Americano e Pan-Americano, o time nacional venceu todos os duelos. Desempenho que anima mais as jogadoras para a competição internacional.

– Apesar de o grupo ter passado por algumas mudanças, estamos apresentando resultados muito positivos nos treinos e também nos torneios dos quais participamos. Isso mostra que, apesar de jovem, a equipe está indo pelo caminho certo – afirmou a goleira Bárbara, que atua no time austríaco Hypo.

Os jogos de maior relevância do Brasil ocorreram na Provident Cup, torneio amistoso na Hungria. Lá, o time verde e amarelo superou dois rivais que estarão na Sérvia: Hungria (por 28 a 26) e Noruega (28 a 24).

No caminho para o Mundial, o país ainda colocará mais três vezes à prova o seu retrospecto perfeito. Primeiramente, ainda na Áustria, enfrentará Angola – em duelo ainda sem data certa para ocorrer. Em seguida, a Seleção nacional disputará dois amistosos contra a Polônia, nos dias 27 e 29 deste mês.

Só depois destes jogos o elenco seguirá para Nis, onde integrará o Grupo B do Mundial. A Seleção estreia no dia 7 de dezembro contra a Argélia. Ainda integram a chave Sérvia, Dinamarca, China e Japão.

Os únicos “desfalques” brasileiros neste início da preparação para o torneio serão os das jogadoras Deborah Hannah e Amanda de Andrade. Elas disputam, respectivamente por São Bernardo e por Concórdia, a decisão da Liga Nacional de Handebol - que ocorrerá nesta quinta-feira - e só viajarão para a Áustria nesta sexta-feira.

Os duelos da Seleção em 2013

Brasil 41 x 17 Chile
Brasil 41 x 9 Paraguai
Brasil 55 x 14 Venezuela
Brasil 46 x 13 Uruguai
Brasil 37 x 23 Argentina
Brasil 36 x 22 Áustria
Brasil 29 x 22 Áustria
Brasil 44 x 10 Estados Unidos
Brasil 59 x 7 Costa Rica
Brasil 48 x 18 México
Brasil 37 x 22 R. Dominicana
Brasil 48 x 17 Paraguai
Brasil 38 x 15 Argentina
Brasil 37 x 29 Angola
Brasil 24 x 23 Angola
Brasil 28 x 24 Noruega
Brasil 32 x 23 Croácia
Brasil 28 x 26 Hungria