icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
26/06/2014
14:52

Muito se falou durante a semana que Estados Unidos e Alemanha fariam um jogo de compadres nesta quinta-feira, já que o empate bastava para as duas seleções. Mas o que se viu dentro de campo foi muito diferente disso. Desde o início do jogo, os alemães foram para cima dos americanos e acabaram premiados com uma vitória por 1 a 0, gol de Müller, na Arena Pernambuco. Mesmo com a derrota, os EUA estão garantidos nas oitavas de final.

Agora, a seleção de Joachim Löw encara o segundo lugar do grupo H, na próxima segunda-feira, às 17h no Beira-Rio, em Porto Alegre. Já os Estados Unidos terão de ir ao palco dos gols nesta Copa, a Arena Fonte Nova, na terça-feira, às também às 17h, para encarar o primeiro lugar do grupo H, que deve ser a Bélgica.

PRESSÃO ALEMÃ E CONTRA-ATAQUE AMERICANO

Querendo garantir a primeira colocação do grupo, a Alemanha partiu para cima dos Estados Unidos e criou boas oportunidades com Schweinsteiger, Podolski (duas surpresas de Löw na escalação), Özil e Müller. As chegadas eram sempre nas jogadas pelos lados do campo, com Boateng e Lahm no apoio pela direita e Özil e Kroos pela esquerda, mas a zaga americana conseguiu ganhar a maioria dos lances.

MAIS COPA:
> Confira os lances do duelo na Arena Pernambuco
> Acompanhe todas as notícias da Copa do Mundo

Os Estados Unidos só conseguiam chegar nos contra-ataques, puxados sempre na velocidade de Jones, Bradley e Zusi. Este último, quase abriu o placar após um belo chute buscando o ângulo esquerdo da Neuer, que a bola acabou passando muito perto. No fim, a Alemanha ainda tentou esboçar uma pressão, mas não conseguiu chegar ao gol que inauguraria o placar.

MÜLLER IGUALA NEYMAR E MESSI NA ARTILHARIA

E o segundo tempo começou de forma bem parecida com o primeiro: com os alemães no ataque. Löw lançou Klose no lugar de Podolski e logo aos 9 minutos, Kroos bateu forte, Howard espalmou para longe, mas Müller acertou um chutaço no canto e abriu o placar. Este foi o quarto gol do atacante na Copa, que se igualou a Neymar e Messi na artilharia da competição. Após o gol, os alemães continuaram no ataque, mas com o tempo o ritmo da partida foi caindo.

Com o ritmo da partida mais lento, Löw pôs Götze em campo e movimentou o setor ofensivo alemão. Dos pés dele, saíram algumas boas oportunidades para a Alemanha matar o jogo. Já sem forças para reagir, os EUA buscavam algo nos contra-ataques, mas a defesa alemã estava muito bem postada. Os americanos ainda assustaram nos minutos finais, mas a Alemanha se segurou e conseguiu garantir a vitória.

FICHA TÉCNICA
ESTADOS UNIDOS 0 X 1 ALEMANHA

Local: Arena Pernambuco, Recife (PE)
Data-Hora: 26/6/2014 - 13h
Árbitro: Ravshan Irmatov (UZB)
Auxiliares: Abduxamidullo Rasulov (UZB) e Bakhadyr Kochkarov (KGZ)
Público: 41.876 presentes
Cartões amarelos: Höwedes (ALE); Beckerman (EUA)
Cartões vermelhos: Nenhum
Gols: Müller (9'/2ºT)

ESTADOS UNIDOS: Howard; Johnson, Gonzalez, Besler, Beasley; Beckerman, Jones; Zusi (Yedlin - 38'/2ºT), Bradley, Davis (Bedoya - 13'/2ºT); Dempsey - Técnico: Jürgen Klinsmann

ALEMANHA: Neuer; Boateng, Hummels, Mertesacker e Höwedes; Lahm, Kroos e Schweinsteiger (Götze - 30'/2ºT); Özil (Schürrle - 42'/2ºT), Müller e Podolski (Klose - Intervalo) - Técnico: Joachim Löw