icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
24/12/2013
10:52

O técnico do Chelsea, José Mourinho, saiu do clássico contra o Arsenal uma fera. Não pelo empate em 0 a 0, mas sim pela atitude de alguns jogadores dos Gunners, principalmente Arteta. O volante espanhol reclamou muito de uma entrada de Mikel, dizendo que deveria ter sido expulso. Para o português, os rivais do dérbi desta segunda-feira são "chorões", e ainda ampliou a discussão para o tipo de estrangeiros que chegam no futebol inglês.

- Já sabemos que eles (jogadores do Arsenal) gostam de chorar. É uma tradição. Mas prefiro não falar, e assim disse ao quarto árbitro, que jogadores ingleses como Lampard, por exemplo, nunca provocariam uma situação como essa - começou Mourinho:

- Jogadores de outros países, especialmente alguns países, não reagem se o contato com um rival for agressivo. Mas isto é o futebol inglês, os jogadores que vêm de fora trazem grandes coisas e vêm por terem talento, mas prefiro o sangue inglês no futebol, o que em situações como essa diz: "vamos lá". A entrada de Mikel foi dura e agressiva, mas o futebol é para homens e mulheres com atitudes fantásticas.

Por fim, o técnico português cutucou novamente os jogadores do Arsenal sugerindo que escolham outros tipos de esportes.

- Há outros esportes sem contato, fantásticos esportes que respeito muito por terem grandes campeões, mas o futebol é um jogo de contato - concluiu.