icons.title signature.placeholder Enrico Bruno e Frederico Ribeiro
icons.title signature.placeholder Enrico Bruno e Frederico Ribeiro
23/07/2013
17:49

Principal esperança do torcedor atleticano para conquistar a Taça Libertadores da América, o craque do Atlético-MG, Ronaldinho Gaúcho, falou nesta tarde de terça-feira à imprensa na Cidade do Galo. Com o centro de treinamento lotado de jornalistas, o camisa 10 do Galo foi o principal alvo das perguntas. Maior garçom do torneio continental, Ronaldinho deixou claro que está plhado para entrar em campo e 'encurralar' o Olimpia em busca dos gols necessários para ser campeão.

- Vai ser bom, a gente não tem o menor pudor de atacar. Vai ser um ataque contra defesa se eles ficaram defendendo. Tem de ter atenção como sempre tem quando se joga em casa, mas tem de procurar o gol desde o primeiro minuto, tentar encurralar eles - falou o meia.

Buscando o título inédito para o Galo e também para sua carreira, Ronaldinho lembrou do momento em que chegou a Belo Horizonte e da acolhida de braços abertos da Massa atleticana que, junto com o craque, caminhou passo a passo até chegar na sonhada final da Libertadores.

MAIS:
> Cidade do Galo fica lotada em último treino antes da final
> Torcedor anônimo deixa faixa de incentivo na porta do CT

- Estou muito motivado, pois essa é a chance de entrar para a história do clube, de dar alegria para o torcedor que sempre me recebeu bem aqui. A motivação é essa. É difícil explicar, chegar em uma cidade diferente, onde nunca tinha ficado três dias sequer, e receber tanto carinho, ser abraçado por uma nação inteira, me fez sentir em casa - complementou o craque.

Para finalizar, Ronaldo desejou que todo o elenco atleticano esteja em uma noite iluminada nesta quarta-feira para que, de alguma forma, todos possam contribuir com o título em campo.

- Tem um grupo acima de tudo, espero que seja um dia do time do Atlético. Espero ajudar também, dar bom passe, assistência pra gol, mas se tiver a noite perfeita, dando passe, fazendo gol, será perfeito para entrar para a história. Eu quero ajudar o time - concluiu.

Ronaldinho tem total confiança não só da nação atleticana, mas também do técnico Cuca e seus companheiros. Apesar de ter sacado o camisa 10 no segundo tempo do jogo de ida, Cuca deixou bem claro, recentemente, a confiança no Gaúcho. 'É o jogo dele', afirmou o treinador.

Torcida manda vídeos de incentivo ao Galo

Principal esperança do torcedor atleticano para conquistar a Taça Libertadores da América, o craque do Atlético-MG, Ronaldinho Gaúcho, falou nesta tarde de terça-feira à imprensa na Cidade do Galo. Com o centro de treinamento lotado de jornalistas, o camisa 10 do Galo foi o principal alvo das perguntas. Maior garçom do torneio continental, Ronaldinho deixou claro que está plhado para entrar em campo e 'encurralar' o Olimpia em busca dos gols necessários para ser campeão.

- Vai ser bom, a gente não tem o menor pudor de atacar. Vai ser um ataque contra defesa se eles ficaram defendendo. Tem de ter atenção como sempre tem quando se joga em casa, mas tem de procurar o gol desde o primeiro minuto, tentar encurralar eles - falou o meia.

Buscando o título inédito para o Galo e também para sua carreira, Ronaldinho lembrou do momento em que chegou a Belo Horizonte e da acolhida de braços abertos da Massa atleticana que, junto com o craque, caminhou passo a passo até chegar na sonhada final da Libertadores.

MAIS:
> Cidade do Galo fica lotada em último treino antes da final
> Torcedor anônimo deixa faixa de incentivo na porta do CT

- Estou muito motivado, pois essa é a chance de entrar para a história do clube, de dar alegria para o torcedor que sempre me recebeu bem aqui. A motivação é essa. É difícil explicar, chegar em uma cidade diferente, onde nunca tinha ficado três dias sequer, e receber tanto carinho, ser abraçado por uma nação inteira, me fez sentir em casa - complementou o craque.

Para finalizar, Ronaldo desejou que todo o elenco atleticano esteja em uma noite iluminada nesta quarta-feira para que, de alguma forma, todos possam contribuir com o título em campo.

- Tem um grupo acima de tudo, espero que seja um dia do time do Atlético. Espero ajudar também, dar bom passe, assistência pra gol, mas se tiver a noite perfeita, dando passe, fazendo gol, será perfeito para entrar para a história. Eu quero ajudar o time - concluiu.

Ronaldinho tem total confiança não só da nação atleticana, mas também do técnico Cuca e seus companheiros. Apesar de ter sacado o camisa 10 no segundo tempo do jogo de ida, Cuca deixou bem claro, recentemente, a confiança no Gaúcho. 'É o jogo dele', afirmou o treinador.

Torcida manda vídeos de incentivo ao Galo