icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
20/03/2014
21:36

José Ely de Miranda, mais conhecido como Zito, ficou bastante abalado com a morte de Bellini, ex-companheiro de Seleção Brasileira. Em conversa com a reportagem do LANCE!Net, a esposa do ídolo santista, Dona Cecília, confessou estar preocupada com os problemas de pressão enfrentados por seu marido, o qual ficou triste pelo perda do amigo. Ela contou ter aconselhado o ex-jogador a repousar mais cedo do que o comum.

Zito e Bellini foram parceiros de Seleção Brasileira nas conquistas das Copas do Mundo de 1958 e 1962. Se, por um lado, o ex-volante ficou eternizado por marcar um dos gols na final do Mundial de 62, contra a Tchecoslováquia, o ex-zagueiro, por outro, escreveu sua história no futebol brasileiro ao ser o primeiro capitão a levantar a taça de campeão do mundo pela equipe canarinha.

Além da Seleção Brasileira, Zito destacou-se com a camisa do Santos. O ex-atleta conquistou nove Campeonatos Paulistas, duas Libertadores e outros dois Mundiais com o clube da Vila Belmiro. Ao todo, foram 16 anos com a camisa do Peixe.