icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
20/03/2014
08:01

Um técnico sempre tem seu time ideal na cabeça. A equipe que pretende colocar em campo nos momentos complicados e com tempo para treinar, para ajustar movimentação. Pois o técnico Abel Braga tem justamente a chance de, na fase decisiva do Campeonato Gaúcho, colocar os 11 ideais em campo. Com os retornos de D'Alessandro e Juan, o time da pré-temporada, finalmente, irá jogar.

A formação com Dida; Gilberto, Paulão, Juan e Fabrício; Willians, Aránguiz e Alex; D'Alessandro, Rafael Moura e Jorge Henrique foi trabalhada desde os primeiros treinos coletivos e táticos. Sem a presença de Dida, que se machucou no último dia de treino em Gramado, no primeiro período de trabalhos da temporada.

Desde o começo de 2014, Abelão sempre encontrava um impeditivo para colocar este time em campo. Por vezes, foi Dida, com problema muscular na perna direita. Nos dois primeiros jogos dos titulares na temporada, contra Cruzeiro-RS e Grêmio, foram com os 10 jogadores de linha ideiais. Na sequência, Juan se machucou e foi desfalque. E Aránguiz, convocado, também chegou a ser baixo. Machucado, D'Alessandro foi a última.

O esquema é o 4-3-3. O treinador pede uma postura ofensiva aos laterais, para criar parcerias em trios pelos lados, com Jorge Henrique, Fabrício e Alex pela esquerda e Gilberto, Aránguiz e D'Alessandro pela direita. Willians centraliza a marcação.

- Acho que a diretoria, treinador, preparador físico, estão fazendo um grande trabalho. O professor fez um planejamento, quis testar jogadores. Ele que coloca e tira de campo. Fez um planejamento e está se valorizando. Jogamos pouco, sabemos que podemos render mais e temos que jogar, mas ele gostaria de ver para contar com o elenco. Ele fez esses testes. Agora tem o grupo na mão e dará sequência até o final - comentou o volante colorado.

Até o momento, os titulares jogaram sete partidas no ano, com cinco vitórias e dois empates. No restante das partidas, os reservas assumiram. Além disso, o time sub-23 disputou as três primeiras rodadas do Gauchão, para dar tempo de trabalho ao elenco principal.