icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
24/12/2013
09:12

Parece que o presidente do Barcelona, Sandro Rosell, e Messi, principal ídolo do time no momento, vão vencer a queda de braço com o vice-presidente financeirao Javier Faus. De acordo com informações do jornal espanhol "AS", assim que o craque desembarcar na Catalunha após as festividades de fim de ano, vai assinar um novo contrato com a equipe, com o devido aumento. Tornando-se assim no jogador mais bem pago do mundo.

Tudo começou há algumas semanas, quando surgiram informações de que Messi estaria insatisfeito em não ser o jogador mais bem pago do mundo, pois foi superado por Cristiano Ronaldo, e teria pedido aumento. Em um primeiro momento, a solicitação foi negada, o que gerou especulações de que estaria de saída do Barcelona.

O craque negou que deixaria o clube, mas ficou um clima estranho, o que piorou com a sua lesão. Na sequência, o vice-presidente Javier Faus disse que o jogador não precisava de um novo contrato, já que havia renovado no início do ano. Na semana passada, Rosell disse que Messi é o melhor jogador do mundo, então deveria ter o principal salário de todos.

Tudo ficou ainda pior durante esta semana, quando o próprio jogador resolveu disparar contra Faus e disse que ele não sabe nada de futebol. Pouco depois, surge a garantia de que vai ter o seu sétimo aumento desde 2005.