icons.title signature.placeholder LANCEPRESS!
13/07/2014
20:41

Lionel Messi foi eleito o melhor jogador do Mundial, mas a Argentina não conseguiu vencer a Alemanha neste domingo, no Maracanã. O meia-atacante hermano não escondeu a desilusão com a derrota na final e comentou sobre a conquista individual.

- Não tem nenhuma importância ser o melhor jogador sem ganhar a Copa do Mundo - disse ele, em referência à Bola de Ouro.

O capitão da Seleção Argentina disse que não há planos para o momento, em relação à equipe nacional. Ele também lembrou da população do país, que ficou entristecida com a derrota:

- O jogo acabou há pouco tempo, depois de uma tristeza grande (para a população). Mas podemos ir para casa de cabeça erguida. Queríamos levantar a taça, mas não deu. Não pensamos em nada agora (em relação a outras competições).

Alemanha e Argentina já decidiram duas Copas do Mundo anteriormente e mantinham a disputa empatada. Em 1986, os hermanos venceram. Já no Mundial seguinte, os europeus tiveram a revanche e se vingaram. Agora, tomam a dianteira nesta "competição particular".