icons.title signature.placeholder Felipe Domingues, Guilherme Cardoso e Luis Fernando Ramos
09/11/2014
08:06

14 vitórias na temporada, 17 pole positions, 28 pódios, 608 pontos, 10 dobradinhas... É só fazer uma rápida pesquisa para ver o quanto as estatísticas da Mercedes são impressionantes em 2014. E o ano pode não ficar marcado “apenas” pelos títulos de construtores – conquistado antecipadamente na Rússia – e de pilotos – disputado por  Lewis Hamilton e Nico Rosberg. A escuderia ainda pode quebrar diversos recordes na Fórmula 1.

Até o momento, a equipe alemã já conseguiu igualar a McLaren de 1988 – que tinha como dupla Ayrton Senna e Alain Prost –, em número de dobradinhas em um mesmo ano: são dez para cada uma. E com mais duas provas para terminar a atual temporada, é bem provável que a Mercedes se isole nessa estatística.

Os alemães também podem reinar absolutos em uma única temporada no número de vitórias, nos pontos e no total de pódios. Apenas o recorde de pole positions não será superado. Mas o time tenta alcançar a marca da Red Bull de 2011.

Durante a temporada, o que mais se ouviu foram elogios à Mercedes. Mas nem tudo foi perfeito. Em alguns momentos, os pilotos ficaram na mão, como no Canadá quando os os carros tiveram problemas de freio, ou em CIngapura, quando Rosberg abandonou por pane elétrica na coluna de direção.

Na história da Fórmula 1, é comum ver equipes com um domínio absoluto. Algumas conseguiram manter a boa fase por diversas temporadas, como Red Bull (campeã de 2010 a 2013), Ferrari (de 1999 a 2004) e McLaren (1988 a 1991).  Outras, como a Brawn (em 2009) reinaram apenas por um ano. Resta saber o que será da recordista Mercedes.  

ZERADOS

Além de recordes, a Mercedes ainda luta para quebrar tabus na temporada. E hoje, em Interlagos, a equipe pode acabar com um deles. A escuderia alemã nunca venceu um GP do Brasil em quatro corridas. Na verdade, o time nunca chegou ao pódio.

O melhor resultado até o momento foi o quinto lugar de Nico Rosberg na prova da temporada passada.

Mas não é somente a equipe que está zerada quando o assunto é vitória no Brasil. Rosberg e Lewis Hamilton nunca subiram no lugar mais alto do pódio em Interlagos.

Campeão em São Paulo em 2008, o inglês tem como melhor resultado o terceiro lugar, em 2009. Já Rosberg foi o quarto, em 2007.

--------------
RECORDES

Vitórias
A Mercedes venceu 14 provas . McLaren (1988) e Ferrari (2002 e 2004) levaram 15.

Poles
Mercedes chegou a 17 ontem. Red Bull, em 2011, teve 18.

Pontos
Red Bull somou 650, em 2011. Mercedes está com 608.

Pódios
A Ferrari de 2004 foi 29 vezes ao pódio. Mercedes já tem 28. E ainda são dez dobradinhas.