icons.title signature.placeholder Daniel Hippertt
11/04/2014
08:07

No último dia 1 de abril, o blog do Galícia, clube tradicional da Bahia, contou uma mentira daquelas, mas que agora luta para tornar realidade. Fundada por imigrantes espanhóis, a agremiação noticiou um jogo-treino contra a seleção espanhola – que jogará em Salvador na Copa do Mundo.

Em entrevista ao LANCE!Net, o presidente do Galícia, Dario Rego, revelou o sonho de enfrentar a Fúria Roja, e confirmou que os baianos já se mexem para que, de fato, o sonhado confronto aconteça.

– Na década de 30, os espanhóis começaram o Galícia. Agora, há um anseio em aproximar o clube da Espanha. Estou em contato com o consulado aqui na Bahia para realizarmos um jogo-treino. Acredito ser possível realizar o sonho – revelou o mandatário.

Autor da pegadinha, o representante de comunicações do clube, Beto Boullosa, admitiu que não esperava tamanha repercussão por conta da falácia criada no blog.

– O objetivo foi fazer uma jogada de marketing bem humorada. Conseguimos, pois teve uma boa repercussão nas redes sociais. Mas o clube acabou assumindo o desafio – disse.


Galícia x Brasil

Caso o confronto com a Espanha se confirme, não será a primeira vez que o Galícia enfrentará uma seleção de destaque mundial. O clube de Salvador já realizou amistosos contra a Seleção Brasileira em duas oportunidades. Em 1934, foi o primeiro time nordestino a jogar contra o Brasil, e acabou derrotado pelo placar de 10 a 4. Em outra ocasião, nos preparativos para a Copa América de 1989, a Seleção, liderada por Sebastião Lazaroni, venceu por 10 a 0.

História granadeira

Tradicional. Assim pode se definir o Galícia. Foi o primeiro clube a se sagrar tricampeão baiano na década de 40. Com sede em Salvador, foi fundado por imigrantes espanhóis em 1937.  Os granadeiros azulinos caíram para a Segundona da Boa Terra em 1999. Em 2002, viveram o pior momento da história, quando abandonaram por completo as competições profissionais. Mas o clube deu a volta por cima. Em 2014, fez boa campanha na volta à Série A do Estadual. Ficou fora das semifinais por conta do saldo de gols.