icons.title signature.placeholder Diogo Sautchuk e Russel Dias
24/06/2014
09:00

Os zagueiros David Braz e Jubal conseguiram um grande feito neste Campeonato Brasileiro: compor a dupla de zaga que faz parte da melhor defesa do campeonato ao lado de Corinthians e Grêmio, com cinco gols sofridos em apenas nove jogos.

O tamanho do feito se deve ao fato de que ambos estavam bem atrás na lista de opções do técnico Oswaldo de Oliveira. Após a lesão de Edu Dracena e Gustavo Henrique, que romperam o ligamentos do joelho, direito e esquerdo, respectivamente, David Braz continuava no banco, e só ganhou a vaga na etapa final do Campeonato Paulista.

Na ocasião, Braz ficou com a posição que era do jovem Jubal e atuou ao lado de Neto. A dança das cadeiras no setor defensivo do Peixe voltou a acontecer quando Neto teve um edema na coxa direita e deu lugar a Jubal. Depois disso a dupla se firmou, e ao lado de Aranha, que fez todas as nove partidas do Nacional, conseguiu empatar com as defesas menos vazadas.

– Somos uma das melhores defesas, esperamos que a gente se prepare para voltarmos melhor para o Brasileirão. Agora sim começa o campeonato. Tem que diminuir os erros que cometemos no começo – afirmou o zagueiro David Braz.

Para Edu Dracena, que volta após o Mundial, resta cumprir a missão de manter a fortaleza, assim como para Gustavo Henrique, em setembro.